Cuidados com a alimentação no inverno

Cuidados com a alimentação no inverno

Atualizado: Terça-feira, 24 Junho de 2008 as 12

Normalmente a chegada do inverno provoca uma radical mudança no apetite. Os pratos calóricos parecem exercer uma atração irresistível no organismo, até porque são fontes ricas de energia.

Fisiologicamente, aliás, o corpo necessita de uma demanda energética maior do que a normal, devido à baixa temperatura. É isso que desperta o desejo por alimentos mais gordurosos.

Segundo a nutricionista Gláucia Midori, pós-graduada pelo Ganep Nutrição Humana, é importante não cair em tentação e manter uma dieta saudável neste período. O ideal é preparar sobremesas à base de frutas como banana e maçã ao forno; pode-se adicionar canela nestas preparações para realçar o sabor sem aumentar o valor calórico. Outra boa opção são as sopas de legumes, além de saborosas e nutritivas.

É verdade que o inverno traz com ele pratos típicos, bem deliciosos. Um deles é o fondue, preparado à base de queijos - costumeiramente queijos Gruyère e Emmental, que vai à mesa acompanhado de pequenos pedaços de pão, batatas e cenouras. Você não precisa passar mal de desejo, basta equilíbrio e alguns truques:

"O fondue é muito calórico. Em sua composição há leite, queijo, noz moscada, alimentos ricos em gorduras. Neste caso é prudente não exagerar no consumo e, na medida do possível, substituir certos componentes, por exemplo, o leite integral por desnatado, o queijo amarelo pelo branco. Desta forma torna-se uma refeição mais leve e saudável".

No inverno, outra tendência é a de consumir pouco líquido, no entanto, é preciso ao menos dois litros por dia. Não precisa ser apenas água, valem os sucos, chás, que têm valor calórico reduzido, são quentes e ajudam a hidratar, e café, entre outros.

Nas épocas de frio cerca de 80% das pessoas ganham um ou dois quilos. Para não fazer parte deste grupo é necessário disciplina.

"Se a pessoa não tem uma restrição alimentar e nenhum problema de saúde, não faz mal consumir estes tipos de alimentos, mas é preciso bom senso. Não pode exagerar nas refeições, também é fundamental gastar o consumido com atividades físicas", orienta Gláucia Midori.

Dicas para manter a boa forma no inverno:

Evite massas, são muito calóricas, principalmente quando preparadas com molhos brancos e outros ingredientes de alto teor de gordura. Dê preferência ao molho de tomate (ao sugo) Reduza o consumo de derivados de leite como creme de leite, queijos amarelos e manteiga. Chocolate, nozes, castanhas e avelãs são nutritivos, contém boa gordura, mas são muito calóricas. Tome cuidado. O indicado é, nas refeições principais, optar por legumes, verduras, carnes magras e peito de frango. Procure sempre manter o nível de consumo de líquidos - em média dois litros por dia.

veja também