Sabe fazer pudim sem quebrá-lo? Aprenda aqui

Sabe fazer pudim sem quebrá-lo? Aprenda aqui

Atualizado: Quinta-feira, 16 Setembro de 2010 as 3:05

  Herança portuguesa, o pudim de leite é tradicional nas mesas brasileiras. Para a sobremesa ser um sucesso, tão importante quanto o sabor é a aparência: tem de estar inteira na bandeja. E é aí que está o problema: tirar a iguaria da assadeira sem quebrá-la, para muita gente, é um desafio.
Se esse for o seu trauma, Julia Delellis Lopes, professora de gastronomia do Centro Universitário Senac (Campus Águas de São Pedro), revela um truque bastante eficiente: deixe o pudim gelar bem antes de removê-lo da forma.

- Depois de tirá-lo da geladeira, passe uma faquinha em volta da assadeira e coloque-o em um prato do mesmo tamanho. Se for menor, o risco de surgirem rachaduras continua alto.

Já Jurandir Meirelles, chef do restaurante italiano Zucco, conta que o tempo de cozimento no forno também é importante para manter a sobremesa intacta.

- Caso asse muito, criam-se bolhinhas no interior do doce, o que pode influenciar na firmeza. Outra dica é que o forno não esteja muito quente. A temperatura ideal é entre 150ºC e 160°C. Para completar, o tempo de cozimento deve ficar entre 15 e 17 minutos.

O toque final fica com a calda. Para que permaneça cremosa após sair da geladeira, o mais indicado é derretê-la novamente, ensina a professora do Senac.

Quer saber qual é o ponto ideal? Após despejar o líquido sobre a assadeira, vire-a de cabeça para baixo. Se não escorrer, está perfeito.

Por Helena Dias

veja também