Você sabe como a geladeira foi inventada?

Você sabe como a geladeira foi inventada?

Atualizado: Terça-feira, 7 Fevereiro de 2006 as 12

Você sabe como a geladeira foi inventada?

Geladeira:uma idéia que veio do frio

Heloisa Fernandes

[email protected]

Quando os antigos romanos precisavam, guardar algum alimento que necessitasse refrigeração, como o leite, por exemplo, normalmente eles procuravam as cavernas próximas de seus domus (casas, em latim). Com o passar do tempo, eles passaram a construir, em suas casas, espaços destinados exclusivamente a esta finalidade, o seja, cômodos especiais que eram covas de gelo que, em geral, ficavam próximas aos porões.

Já a primeira câmara frigorífica do mundo, precursora das geladeiras domésticas, foi construída pelo industrial australiano Thomas S. Mort, por volta de 1840. Mort, que teve a idéia de construir uma ponte de gelo interligando os continentes, passou 30 anos de sua vida trabalhando no transporte da primeira carne frigorífica para a Grã-Bretanha. Entretanto, apesar de todos os esforços, a tentativa falhou por desarranjos nas instalações frigoríficas do navio de transporte.

O francês Charles Telier, conhecido como "pai do frio", conseguiu fazer que um vapor frigorífico transportando carne fosse de Rouen, na França, para Buenos Aires, na Argentina, numa viagem de 104 dias. Neste sistema, a carne era resfriada de 1°C a 1,5°C, acima de zero. Entretanto, já naquela época se sabia das vantagens do resfriamento de -12°C a -18°C, que é usado atualmente e que deixa a carne dura como pedra. Foi assim que, numa segunda viagem, Telier transportou carne de carneiro da Argentina, de excelente qualidade para a Europa, o que causou enorme sensação.

Pode-se dizer que as primeiras geladeiras domésticas surgiram pela primeira vez nos Estados Unidos, em 1850. Elas nada mais eram do que um armário de madeira forrado de ardósia por dentro. No inverno, os blocos de gelo eram cortados dos rios e lagos congelados e armazenados nestas geladeiras.

Entretanto, foi apenas em 1910 que as geladeiras começaram a tomar a forma como as conhecemos atualmente. Nesta época, a eletricidade passou a desempenhar um papel fundamental no princípio da conservação da temperatura no interior da geladeira, assim como o freion, um composto não corrosivo, não tóxico e não inflamável presente hoje em geladeiras e aparelhos de ar condicionado.

veja também