Volta às aulas: Prepare lanches saudáveis para seus filhos

Volta às aulas: Prepare lanches saudáveis para seus filhos

Atualizado: Terça-feira, 19 Janeiro de 2010 as 12

Começo de ano é marcado pelo início da volta às aulas para crianças, jovens e adultos, e a alimentação no período de estudos em pequenos intervalos é primordial para manter a saúde e a energia durante a temporada escolar. As crianças em particular, acostumadas com a alimentação feita por pais e familiares, necessitam se adaptar às refeições de creches e escolas. Por isso, para suprir alguns fatores nutricionais e saciar a fome dos pequenos, muitas famílias optam pelas famosas lancheiras. Porém, por estarem em fase de crescimento, as crianças devem consumir alimentos nutritivos e saudáveis para atingirem as necessidades nutricionais diárias que cada faixa etária exige.

De acordo com a gerente de nutrição do HCor - Hospital do Coração, Rosana Perim, nem sempre a refeição mais saudável é a mais saborosa aos olhos dos pequenos e fica cada vez mais difícil para os pais alinhar praticidade e saúde. "O lanche escolar saudável é uma grande dificuldade na alimentação infantil. É difícil para a mãe unir praticidade com qualidade e mais difícil ainda é a criança aceitar o que foi colocado na lancheira. Muitas vezes o prático não é o mais saudável, mas são o que as crianças preferem", explica a nutricionista.

A nutricionista indica ainda que a alimentação deve ser variada e balanceada, garantindo o fornecimento de energia e todos os nutrientes necessários para o crescimento e desenvolvimento saudável das crianças. "O consumo de produtos variados pode permitir que a alimentação seja mais divertida e gostosa. Comer com moderação, sem proibições é perfeitamente possível, desde que haja orientação de especialistas", completa a nutricionista.

Os três princípios básicos de uma alimentação equilibrada:

· Alimentos de todos os grupos: procurar oferecer na alimentação aqueles que forneçam proteínas, gorduras, carboidratos, vitaminas e sais minerais;

· Proporção adequada de alimentos: os alimentos que compõem a alimentação da criança devem atender às necessidades nutricionais diárias;

· Variar sempre que possível os alimentos: variar o consumo de alimentos é uma estratégia importante para obter todos os nutrientes necessários e para tornar as refeições mais divertidas e gostosas.

Dicas para compor o lanche escolar de forma variada e saudável:

Evite a monotonia. Procure variar o máximo possível as opções de lanches e as cores para a criança sentir prazer e desejar comer; Coloque sempre uma fruta na lancheira, pois são fontes de vitaminas, minerais e fibras; Não esqueça da opção de um carboidrato, pois são responsáveis pela energia. Alterne na lancheira: pães integrais, pão tipo bisnaquinha, barra de cereais, biscoitos integrais e bolos sem recheio. Evite os biscoitos recheados e tipo waffle, pois contém maior teor de gorduras. Quando for biscoitos, não coloque o pacote inteiro, evitando assim um consumo maior de calorias; Prefira as geléias de frutas e queijo tipo polenguinho para passar no pão por não precisarem de refrigeração; Evite os salgados fritos e folhados. Prefira os assados, pois são menos calóricos e gordurosos; As bebidas com achocolatados possuem muita gordura e açúcar. Evite colocá-los todos os dias na lancheira, alterne com suco de frutas, água de coco e chás; A criança com uma boa alimentação, contendo todos os nutrientes na quantidade adequada, brinca mais, aprende com mais facilidade na escola, cresce e se desenvolve melhor. Sugestões de lancheiras

Opção 1: 2 bisnaguinhas com geléia de morango, 1 caixinha de achocolatado e 1 maçã.

Opção 2: 1 fatia bolo chocolate, 1 caixinha de chá e 1 banana.

Opção 3: 2 fatias pão integral com queijo polenguinho, 1 caixinha de suco frutas e 1 bananinha .

veja também