As 5 dicas para mudar a cor do seu cabelo sem estrago

As 5 dicas para mudar a cor do seu cabelo sem estrago

Atualizado: Quinta-feira, 8 Novembro de 2012 as 2:02

 

Final do ano chegou. Sua hora de fazer a cabeça e mudar o visual para o ano que está chegando.

Saiba quais os passos para mudar a cor do seu cabelo para começar o ano com tudo

 

1. Coloração permanente x tonalizante

Se a intenção é cobrir todos os fiozinhos brancos que tiram seu sossego, a tintura é a solução. "Enquanto o tonalizante cria um filme de cor sobre os fios, a coloração permanente pigmenta o interior deles", afirma o hairstylist Renato Fuzz, embaixador da Wella Professionals. Já se você deseja uma mudança sutil - ou um cabelo mais brilhante, sem mudar a cara dele -, use um tonalizante, pois dá brilho instantâneo ao cabelo. Mas lembre-se: o resultado será menos duradouro.

 

2. Anote na agenda

Fique tranquila: você não precisa virar escrava do colorista. De acordo com Brunno Castro, coordenador técnico do Espaço Juliana Paes, no Rio de Janeiro, a frequência das suas próximas visitas ao salão de beleza podem ser marcadas:

· A cada 30 dias - para retoque de raiz.

· A cada três meses - para mechas de raiz e luzes.

· A cada seis meses - para mechas a partir da metade do comprimento ou apenas nas pontas (ombré hair e californianas).

 

3. Operação resgate

Pode ser que você sinta o cabelo mais frágil após a coloração. Isso porque o processo químico diminui a elasticidade natural do fio - o que vai deixá-lo mais propenso à quebra. "Os danos são maiores quando o cabelo ganha uma cor mais clara do que a natural", afirma o médico tricologista Ademir Júnior, diretor da International Association of Tricologists (IAT) no Brasil. A explicação: "O clareamento altera a estrutura proteica capilar, reduzindo a elasticidade e a força do fio quando recebe a tração da escova". Para amenizar os danos, o especialista indica tratamentos como hidratação, cauterização e queratinização.

 

4. Mão na massa

Quer mudar a aparência sem sair de casa? Siga as dicas da americana Rita Hazan, especialista em coloração e responsável pelas madeixas de famosas como Jennifer Aniston e Gwyneth Paltrow.

· Marque no relógio a hora em que começou a aplicação da coloração e respeite o tempo-limite do fabricante.

· Tenha à mão duas unidades do produto. Dessa forma você não corre o risco de alguma mecha ficar de fora do processo - e o seu cabelo, manchado.

· Cometeu algum erro ou pintou uma dúvida? Ligue para o atendimento ao consumidor da marca.

· Hidrate os fios duas vezes na semana para recuperá-los dos danos causados pelo processo químico.

· Use protetor capilar antes de se expor ao sol por horas seguidas. O produto vai proteger a cor dos raios UV.

 

5. Acerte na cor

Prepare-se para deixar seu cabelo com a cara do verão. O cabeleireiro Felipe Freitas, do salão Crystal Hair, no Rio de Janeiro, indica a melhor tonalidade se a sua pele é:

Clara: Vá de ruivo - mas não aquele vermelho intenso da temporada passada. A ordem agora é uma cor mais lavada.

Morena: A regra é parecer que os fios estão queimados do sol. O segredo? Um toque de mel da metade do comprimento às pontas.

Negra: Aposte em tons de caramelo, que iluminam o rosto de forma natural.

Oliva: Combinam com tons quentes, como o acobreado, o dourado e o chocolate. Fuja de loiros- platinados e acinzentados.

veja também