Acessórios que fazem os fios crescerem

Acessórios que fazem os fios crescerem

Atualizado: Quinta-feira, 27 Janeiro de 2011 as 9:54

Parece mentira, mas escolher o acessório correto na hora de pentear ou prender os cabelos ajuda seus fios a crescerem rapidamente... e com saúde! O palito de madeira, por exemplo, consegue combater até mesmo os detestáveis arrepiados que insistem em aparecer. Mas atenção: os acessórios só surtem efeito positivo se você souber quais os melhores tipos e como usá-los. Prepare-se, portanto, para virar uma expert com as incríveis dicas dos especialistas.

Elástico com dois grampos

O penteado: rabo de cavalo resistente.

A vantagem: esta é a alternativa mais indicada para quem tem fios enrolados ou volumosos, pois eles escondem melhor os grampos.

Como fazer:

1. Elástico com dois grampos

2. Prenda dois grampos em lados opostos de um mesmo elástico, formando duas pontas.

3. Separe os fios para fazer o rabo. Encaixe um dos grampos na parte de cima da cabeça.

4. Com o elástico, dê duas voltas em torno do cabelo separado.

5. Quando terminar, fixe o grampo solto ao que já está preso, fazendo um X.

6. E pronto: aí está o rabo de cavalo resistente!

Bob com velcro

O penteado: cabelo solto e com movimento.

A vantagem: modela os fios sem danificá-los. O principal problema do bobe comum: você precisa de um grampo para prender a mecha no acessório. "No momento de tirar o grampo é que ocorre a quebra da fibra dos fios", alerta Guilherme Andrade, técnico da Soft Hair.

Como fazer: para ter cachos abertos, enrole a mecha pelo lado de fora do cabelo. Para ter fios modelados, pelo lado de dentro. "Também indico intercalar estas duas maneiras num mesmo penteado; dá muito movimento!", diz ele.

Elástico de silicone

O penteado: rabo de cavalo.

A vantagem: este é o material ideal para dar muitas voltas no cabelo. Afinal, o silicone, como o tecido sem textura, evita a quebra, pois não prende os fios entre as fibras. "Já a versão em espiral, que está na moda, é um exemplo de elástico que danifica", diz Neiva Dias, cabeleireira do programa "Por um Fio" (GNT).

Como fazer: com no máximo duas voltas, use o acessório para fazer o rabo de cavalo. Porém, não prenda com força. "O elástico marca onde você pressiona os fios e pode rompê-los", explica a profissional.

Faixa Hippie

O penteado: cabelos parcialmente presos.

A vantagem: você ganha um visual moderno e jovem.

Como fazer: Maria, do BBB 11, usa a faixa no alto da cabeça. Faça o mesmo ou puxe a franja e mechas laterais para trás, prendendo-as com a tira. "A faixa, com ou sem enfeite, está em alta", diz Neiva, do "Por um Fio" (GNT) .

Grampo

O penteado: coque básico.

A vantagem: o penteado clássico é ótimo para os dias quentes deste verão.

Como fazer: comece com o rabo de cavalo básico, no centro da parte de trás da cabeça. Em seguida, torça o cabelo, enrolando-o em volta do começo do rabo, deixando que ele se encaixe em torno de si mesmo.

Palito de madeira

O penteado: coque informal.

A vantagem: a madeira reduz a eletricidade estática dos fios. Ou seja, manda embora os arrepiados.

Como fazer: siga o mesmo procedimento para criar um coque básico. Porém, no final, espete o palito nas camadas formadas. "O palito de madeira não entra em atrito com os fios. Portanto, não há agressão nem quebra", diz Guilherme Andrade, da Soft Hair.

Piranha com dentes largos

O penteado: cabelos semipresos.

A vantagem: por mais que a piranha pressione os fios, jamais fará uma força tão intensa quanto os elásticos. "Com certeza ela está entre as melhores opções de acessório", garante Neiva.

Como fazer: separe todo o cabelo a partir do topo das duas orelhas. Puxe para trás, deixando a parte de baixo da cabeleira solta. dê uma leve torcida para frente e prenda com a piranha. "Para um visual mais natural, antes de fixar o penteado empurre de leve os fios para frente", diz a cabeleireira do "Por um Fio" (GNT). No final, com um grampo (ou vários), prenda a ponta.

Cada vez mais longo

Como manter seu cabelo fortalecido e comprido

· Na hora de desembaraçar as madeixas, prefira pentes de madeira de dentes largos. Importante: comece pelas pontas.

· Em seguida, vá para o meio do cabelo e só então, com o fio já solto, penteie do topo até o final.

· Só prenda o cabelo quando ele estiver bem seco. "A água amolece a estrutura dos fios, que fica flexível, maleável e frágil, quebrando facilmente", ensina Guilherme.

· Nunca prenda o rabo de cavalo com muita pressão. "As marcas do elástico favorecem a quebra dos fios principalmente nessa região", alerta Neiva.

· Na hora de "ajustar" o rabo de cavalo, jamais divida-o ao meio e puxe uma parte para cada lado. Esse hábito deixa os fios mais frágeis.

veja também