Alisamento coreano

Alisamento coreano

Atualizado: Quarta-feira, 28 Abril de 2010 as 12

A febre dos alisamentos não deve acabar tão cedo, os cabelos lisos continuam tendo seu espaço garantido e ainda fazem a cabeça das mulheres. Pensando nisso, surgem novidades em alisamentos que deixam os cabelos bonitos, macios e brilhantes sem agredir os fios ou deixar aquele aspecto artificial. Uma dessas novidades que merece ser experimentada é o alisamento coreano.

Além de rápido e prático, o alisamento coreano definitivo recondiciona e hidrata os fios. Possui em sua fórmula lawsonia, um princípio ativo que interage com a queratina dos cabelos, proporcionado mais elasticidade e deixando os fios mais saudáveis. Os cabelos recebem diversos ingredientes como óleos vegetais e extrato de henna, que ajudam a dar vida aos cabelos deixando as madeixas mais sedosas e brilhantes.

Como é feito o alisamento coreano?

O procedimento do alisamento coreano é simples, ele alisa o cabelo em duas horas. O primeiro passo é a lavagem dos fios com um shampoo específico para remover resíduos. Aplica-se o alisante e em seguida, os fios são lavados e secos com a toalha, sem torcer. Para finalizar o processo, os cabelos são secos e a chapinha entra em ação para fazer o realinhamento térmico.

Quem pode fazer o alisamento coreano?

A grande vantagem do alisamento coreano é que o procedimento é compatível com todos os tratamentos químicos. Por isso, pode ser feito em todos os tipos de cabelo. Até mesmo quem tem reflexo nos fios pode fazer o alisamento coreano. O resultado são fios macios, hidratados, com brilho e o melhor, perfeitamente lisos.

A manutenção do alisamento coreano deve ser feito a partir de três meses nos cabelos mais crespos. Já os fios menos rebeldes, podem receber o retoque depois de seis meses, tempo suficiente para a raiz crescer. O preço do alisamento coreano pode variar, mas custa em torno de R$ 300.

Por Deborah Busko

veja também