Aprenda a evitar o pelo encravado

Aprenda a evitar o pelo encravado

Atualizado: Quinta-feira, 20 Agosto de 2009 as 12

Se você é daquelas que sofre com o pelo encravado e fica cutucando o problema sem saber como resolvê-lo, vamos com calma. O primeiro passo é entender suas causas e qual o tipo de inflamação para depois correr atrás de tratamento e solução.

O pelo encravado é causado por calças justas, calcinhas com acabamento apertado, excesso de suor, umidade, obesidade e depilação com cera quente ou fria. Além disso, a dermatologista e professora da Sociedade Brasileira de Medicina Estética, Mercedes Granja, lembra que esses traumas podem gerar diferentes tipos de inflamação:

Pelo encravado: quando o pelo não perfura a pele, ficando visível sob a derme

Tratamento: esfoliações à base de ácido salicílico para afinar a pele, facilitando a saída do pelo

Pelo inflamado: devido a traumas, o pelo se infecta por bactérias, ficando com uma elevação avermelhada (às vezes com o pelo ao centro), podendo coçar, doer e evoluir gerando o pus.

Tratamento: antibióticos por via tópica e oral e, nos casos mais avançados, drenagem cirúrgica

Cisto: geralmente provocados por problemas das glândulas sebáceas, que aproveitam o orifício do pelo para eliminar a secreção. Não confundir com gânglios, que podem aparecer na região com pelos inflamados, de volume aumentado e doloridos.

Tratamento: Após tratado o problema, clarear as áreas afetadas e prevenir futuros eventos com esfoliações e escolha da forma mais adequada de depilação.

Como evitar:

- não espremer, furar ou usar produtos tópicos sem orientação médica

- conservar as áreas limpas e secas e não usar roupas e toalhas sujas

- usar calças um pouco mais largas e calcinhas de algodão

- dois dias antes da depilação: esfoliar suavemente a área

- durante a depilação: usar cera nova, nunca a reaproveitada

- depois da depilação: higienizar a pele e aplicar hidratantes à base de ácido lático e uréia

- fazer depilação a laser (ótimos resultados, duradouros e até permanentes)

- se for raspar a área com lâmina, usar sempre uma nova

- fazer esfoliações frequentemente

veja também