Cauterização: a técnica para recuperar os fios danificados

Cauterização: a técnica para recuperar os fios danificados

Atualizado: Sexta-feira, 6 Agosto de 2010 as 9:50

A cauterização dos fios é um tratamento para reconstrução da fibra capilar com reposição de queratina? principal componente e responsável por 89% da proteína que forma o cabelo e por ser a única a recuperar fios danificados -, dando vida, maciez e brilho as madeixas.

Como esse tratamento corrige a estrutura do cabelo? Os agentes catiônicos, que são meios energéticos compostos por cargas positivas que neutralizam as cargas negativas dos fios, recuperam as fibras capilares para receber o condicionamento térmico.

Essa técnica pode ser definida como uma hidratação profunda que devolve a queratina aos cabelos de forma rápida, selando as escamas dos fios, suavizando as pontas duplas e conseqüentemente eliminando o aspecto arrepiado.

Passo a passo

Para começar, procure um bom profissional para realizar a cauterização. Como são utilizados produtos específicos, não tente fazer o tratamento em casa. Não adianta passar um produto com queratina e depois a chapa, pois o resultado será ruim.  

No salão, o cabeleireiro lavará seus fios com um xampu anti-resíduos, para eliminar as sujeiras, cremes e condicionadores. Depois, usará um xampu especifico, por exemplo, para cabelos com química.   

Em seguida, aplicará, mecha por mecha, um creme reconstrutor, que devolve a umidade e brilho aos cabelos. Após, o profissional passará queratina em todo o comprimento com os cabelos parcialmente secos.

Com a ajuda de uma chapa de cerâmica aquecida na temperatura ideal, própria para o tratamento e que não danifica o fio, a queratina penetrará na fibra capilar, principalmente nas partes dos fios onde há fissuras ou falha, proporcionando um resultado imediato de beleza aos seus cabelos.

Para finalizar, é preciso enxaguar e aplicar um produto que feche as cutículas dos fios, como uma emulsão, um hidratante ou um leave-in (creme sem enxágüe).

Indicações e cuidados

A cauterização é indicada para qualquer cabelo que esteja danificado - por tintura ou química -, volumoso, opaco ou quebradiço, onde as hidratações normais não dão um resultado satisfatório.

Como não altera a forma das madeixas, pode ser realizada em todos os tipos de fios: lisos, cacheados ou crespos, inclusive, oleosos, pois o produto não pesa no visual.

Os cabelos que passaram por algum processo químico normalmente perdem a queratina e são reprovados nos testes para receber a escova definitiva. Com a cauterização esse quadro muda, pois os fios ganham suporte para o alisamento japonês.

É aconselhável não lavar a cabeça por dois dias após o processo para não prejudicar sua ação. É normal, o fio ficar um pouco mais seco na primeira semana. Para conseguir um resultado eficaz, no mínimo quatro aplicações, de 20 em 20 dias, intercaladas com hidratação feita em salão.

Por: Caroline Mager

veja também