Conheça os danos causados pelo uso excessivo de salto alto

O salto alto e seus prejuízos

Atualizado: Terça-feira, 24 Abril de 2012 as 8:59

Usar salto alto é sinônimo de feminilidade para as mulheres. A elegância e delicadeza por usá-los é muito maior. Existem diversos tipos de salto: alto, baixo, plataforma, anabela etc.

O problema é que muitas mulheres acabam exagerando, algumas usam saltos extremamente altos e com grande frequência. Isso, ao longo do tempo, pode causar lesões graves aos pés.

Para as que estão desacostumadas, se o sapato não é confortável, basta usá-lo uma vez que ela é capaz de lembrar dele até o dia seguinte de tanta dor nos pés. A diferença é que quem está acostumada deixa passar este tipo de situação despercebida, então, o caso é mais grave.

O execesso dos saltos pode causar, além do incômodo, problemas na coluna, pés e joelhos. A diversidade de modelos torna a escolha do melhor sapato mais difícil. Mas, além de pensar na beleza, é necessário estar atenta à saúde.

A dica é usar saltos largos de 3 a 4cm de altura no dia a dia. Os irresistíveis porém muito prejudiciais saltos agulha fazem com que a mulher concentre todo o peso de seu corpo na parte frontal dos pés, assim, tem que andar com os joelhos flexionados para se equilibrar, o que causa dores e desconfortos de acordo com a terapeuta ocupacional, Julia Fonseca.

Você não precisa deixar de usar o salto agulha porém escolha os mais baixos, o resultado estético pode não ser o que mais agrada à mulher mas a melhora na qualidade de vida, com certeza, será.

A terapeuta aconselha o uso do modelo Anabela (que é como uma plataforma).Como a plataforma percorre toda a extensão da sola, consegue fazer melhor a distribuição do peso. 

Confira algumas das lesões causadas pelo uso frequente de saltos:

Dedos “Martelo”: Acontece quando, por usar sapatos muito desconfortáveis e apertados, o dedo assume forma de garra. O problema é causado devido a calos na parte superior dos dedos e uma formação calosa na sola dos pés.

Inflação no tendão de Aquiles: Usar com frequencia saltos muito altos pode causar alteração na tensão do tendão de Aquiles, uma espécie de tendinite. Algumas pessoas podem, até mesmo, romper o tendão, que é responsável por conectar a perna à panturrilha.

Leia também

Melhore a sua capacidade de memória

Use saias mesmo durante o inverno

Joanete: o uso de sapatos apertados na parte frontal, como os de bico fino contribuem para quem já tem alguma deformidade devido a fatores genéticos. Esse problema resulta em infecções, dores e inflamações.

Tornolezo com instabilidade: A recomendação é que o salto tenha entre 3 e 4 centímetros porque, pessoas que andam acima dessa altura, correm o frequente risco de ter torções e microtraumas, que causam dor recorrente do lado exterior (lateral) do tornozelo.

Neuroma de Morton: Sapatos apertados, estreitos ou altos causam falta de circulação sanguínea e comprimem os nervos plantares, causando inflamação. Essa é uma lesão que afeta todo o pé, mas, principalmente, os terceiros e quartos dedos. O neuroma de morton provoca dor e dormência que podem ser aliviadas ao retirar o sapato.

 

 

 

Com informações de Dicas de Mulher

veja também