Cuidados no pós-operatório de cirurgia plástica no verão

Cuidados no pós-operatório de cirurgia plástica no verão

Atualizado: Segunda-feira, 16 Novembro de 2009 as 12

A mudança no dia a dia profissional das pessoas, onde o tempo de férias é cada dia mais reduzido, associado às férias escolares, feriados festivos, aliado à oportunidade de expor o corpo ao sol, faz atualmente do verão uma temporada bastante visada para realizar um sonho e melhorar a auto-estima.

Estigma passado, onde a cirurgia plástica era realizada somente nos períodos de inverno, o verão atualmente é uma boa oportunidade para unir as necessidades do dia-a-dia profissional, pessoal e familiar e alcançar "a concretização" do projeto pessoal de realizar uma cirurgia plástica.

Do sonho ao projeto, a realização vai desde a escolha de bons profissionais, hospital adequado até aos cuidados pós-operatórios, que serão de igual importância no resultado final.  

A realização vai desde a escolha de bons profissionais, hospital adequado até aos cuidados pós-operatórios

Recomendamos evitar a exposição solar até que todos os hematomas sejam reabsorvidos, evitando assim pigmentações indesejáveis por hemossiderina. O uso de filtro solar com fps 60 em caso de exposição de regiões operadas tais como face, pescoço e colo é altamente recomendável, além do uso de bonés e chapéus em cirurgias da face. O Uso de clareadores leves a base de vitamina C também são ótimas opções.

Nas cirurgias maiores, principalmente que envolvam a lipoaspiração, a desidratação é fator importante a ser prevenido. Neste caso é importante a ingestão hídrica diária superior a 3 litros nos primeiros dias, evitando assim a hipotensão, que pode ser potencializada pelo calor excessivo do verão.  

E a cinta?

Apesar do calor, nas cirurgias corporais é de muita importância seu uso correto para evitar inchaço excessivo e fibrose; ou seja, uso contínuo no primeiro mês pós-operatório, somente retirando para o banho e fisioterapia, e a posteriori, cada caso deverá ser avaliado.

A drenagem linfática constitui recurso fisioterápico básico no pós-operatório de cirurgia plástica, reduzindo edemas, hematomas; além de melhorar o desconforto sentido pelo paciente.

De acordo com cada cirurgia realizada e necessidades do paciente, cuidados mais específicos poderão ser recomendados de forma individualizada pelo cirurgião.  

por : Dra Glaucia Zeferino - Cirurgia plástica  

veja também