Cuidar da estrutura é importante para saúde dos fios

Cuidar da estrutura é importante para saúde dos fios

Atualizado: Segunda-feira, 8 Novembro de 2010 as 12:17

Todo mundo já teve o seu dia de cabelo rebelde. E até dias seguidos em que os fios insistem em ficar do jeito que você detesta. O frizz não dá trégua e o cabelo parece todo mais ressecado do que nunca.

Nesse caso, o problema pode ser mais sério do que você imagina e mais difícil de resolver. O segredo da saúde dos cabelos está na estrutura de cada fio.

Conhecendo cada pedacinho dele você pode tomar um cuidado maior e não passar por traumas de "bad hair day". "O fio de cabelo é formado por uma superfície externa chamada cutícula, semelhante a escamas microscópicas que envolvem as outras estruturas do fio: o córtex, a camada intermediária e a medula, camada mais externa. No córtex depositam-se os grânulos de melanina, pigmentos que dão cor", explica o tricologista Luciano Barsanti, diretor do Instituto do Cabelo, em São Paulo.

Quem sofre de pontas duplas pode ter certeza que a causa está em excessos cometidos ao longo dos anos, por conta de exposição demasiada dos fios ao sol, calor do secador e tracionamento exagerado causados pelas escovas.

Para evitar que essa aparência assole a cabeça é necessário cuidado diário - e o maior inimigo é a falta de vontade e disposição. "Basicamente é importante proteger-se do sol, com chapéus ou bonés que filtrem totalmente os raios ultravioletas, confeccionados com tecidos especiais já existentes no mercado. É bom também manter o secador a, no mínino, 30 centímetros distante dos fios e não escovar fortemente os cabelos. O uso de leave-in com filtro solar também ajuda a proteger", indica o médico.

Além dos fatores externos - como calor e tração, tinturas frequentes, com intervalo menor que 30 dias e alisamentos realizados de forma incorreta e com produtos inadequados, outros também merecem atenção. "Problemas hormonais, de ovários e tireóide, alimentação incorreta, ingestão de pouca água, estresse e depressão podem também resultar em danos para os fios", afirma Luciano, que também é residente da Sociedade Brasileira de Tricologia. Ainda segundo ele, a "chapinha" é o maior inimigo dos fios saudáveis. Além dela, "apliques ou entrelaçamentos são proibitivos, assim como prender os fios com elásticos ou tiaras".

Quem curte o efeito que a navalha dá ao corte, fique esperta. "Ele é contra-indicado nos cabelos finos. Em alguns casos pode ocorrer o desfiamento, dependendo da incidência do uso da navalha", afirma o tricologista.

E, se você corta as pontinhas porque acredita que isso irá solucionar todos os seus problemas, esqueça essa história. "Cortar as pontas não influencia na saúde dos fios. Isto é um mito", garante Luciano. "Quando existem as pontas duplas - que podem ser evitadas - pode-se cortar de 2 a 3 centímetros, provocando um aspecto mais saudável e estético aos fios de cabelo", completa. Mas, se o cuidado não for contínuo, o problema persistirá.

Todos os problemas que podemos encontrar nos fios - pontas duplas, ressecamento, e quebra excessiva - são danos causados na cutícula. E alguns cuidados pontuais podem prevenir que esses danos se tornem dificilmente remediáveis.

"Fugir do sol, evitar o secador próximo dos cabelos e na temperatura máxima, são ações que previnem a lesão da cutícula. Hidratar os cabelos regularmente - os crespos e cacheados com maior frequência - ajuda na estética dos fios. Os produtos pós-enxágue contendo silicone ou queratina selam as escamas da cutícula facilitando o pentear", explica. "Enxaguar os cabelos com água fria é um procedimento prático para deixar os cabelos brilhantes e fáceis de pentear, diminuindo o "frizz" e fechando as escamas que formam a cutícula externa dos cabelos".

Agora, se o habitual cuidado caseiro não está funcionando, o jeito é procurar um especialista que pode "renovar" a camada protetora das madeixas e deixá-las super saudáveis, afinal, existem tecnologias que permitem que os fios sejam vistos bem de perto. "No consultório do médico Tricologista é possível verificar visualmente os danos da cutícula realizando o scanner da superfície do cabelo. Este equipamento permite o aumento do fio de cabelo expondo nitidamente as alterações da cutícula do fio", comenta o especialista.

Fique ligada com algumas dicas super importantes que Luciano, autor do livro Dr. Cabelo (Elevação), deixou, para que você possa manter a saúde dos fios:

1- Proteger os fios do sol - lembre-se que o melhor protetor solar é a sombra

2- As "chapinhas" são desastrosas para os cabelos, pois além da destruição térmica pelo excesso de calor, arrancam os fios com a tração.

3- O secador pode ser usado desde que a 30 cm dos fios e na temperatura média ou ar frio.

4- Hidratações frequentes com produtos a base de extratos naturais como manteiga de carité, extrato de prímula e sálvia e rosas brancas, assim como óleo vegetal de côco são ótimas para preservar a estrutura dos fios. Os "leave in" (pós enxágue) contendo silicone e protetor solar podem ser usados nas pontas dos fios. Enxaguar com água fria beneficia a qualidade e o aspecto dos fios.

5- Os shampoos a serem usados devem conter pouco detergente, serem usados em pouca quantidade (o equivalente a uma moeda de um real) e o pH do shampoo deve estar sempre entre 5,5 e 6,5 - o dado consta no rótulo - e não conter sal.

6- Os condicionadores devem ser usados exclusivamente na superfície dos fios a 3 cm do couro cabeludo, enxaguar os cabelos abundantemente.

7- Para secar os fios, utilize um produto "pós enxágüe" contendo silicone. Facilita o pentear.

8- As vitaminas do complexo B são indispensáveis para o cabelo. A vitamina B6 é uma das mais ativas no processo de prevenção da queda dos cabelos e promovem o aspecto de saúde dos fios. É fundamental lembrar que qualquer medicamento, suplemento ou produto tópico deve sempre ser prescrito pelo seu médico e tricologista.

veja também