Erros comuns no cuidado com o rosto podem agravar as espinhas

Erros comuns no cuidado com o rosto podem agravar as espinhas

Atualizado: Sexta-feira, 16 Outubro de 2009 as 12

Reclamações a respeito da oleosidade excessiva do rosto é o que mais é ouvido no consultório dos dermatologistas. Se você também não entende por que suas espinhas teimam em ficar vermelhas, inflamadas e aparentes, mesmo lavando a pele todos os dias, passando cremes e evitando cutucá-las, talvez esse seja o momento de descobrir a verdade.

Muitas pessoas cometem alguns erros no cuidado com o rosto que impedem que as espinhas finalmente desapareçam. De acordo com o dermatologista Adilson Costa, o erro mais comum de quem tem a pele oleosa é achar que precisa lavar o rosto toda hora.

- O ideal é que a pessoa lave o rosto no máximo três vezes ao dia, de manhã, de tarde e de noite. Mais do que isso não é necessário, pois só vai tirar a oleosidade natural da pele, deixando-a superficialmente desidratada. Com isso, as glândulas sebáceas são estimuladas a produzir mais gordura, o que gera ainda mais espinhas.

Além disso, abusar do secativo de espinha também é considerado um erro inaceitável na rotina de beleza. Os secativos devem ter o uso moderado e precisam ser aplicados apenas no local da espinha. Se o produto mal for absorvido pela pele e você já colocar uma nova camada sobre o ponto inflamado, além de gastar produto à toa, você pode piorar a inflamação e irritar a pele, pois os secativos são ricos em ácidos.

Por isso, economize e aplique o secativo duas vezes ao dia. Quanto aos cremes que prometem segurar a oleosidade, a regra também é a mesma: nada de excessos. Utilize o produto conforme a instrução da embalagem e em pequenas quantidades. Fique atenta também ao uso noturno e diurno. Muitos cremes são indicados apenas para um período do dia e isso deve ser respeitado.

O especialista também alerta para que a região do pescoço seja incluída nesse ritual.

- Ele possui a pele tão sensível quanto a do rosto e merece uma atenção especial, pois também pode ficar flácido ou com manchas decorrentes do sol.

Portanto, não se esqueça de protegê-lo contra os raios solares e lave-o com o mesmo sabonete utilizado no rosto, e não o do corpo. Além disso, pode passar nessa região também os mesmos cremes que usa para a pele do rosto. Os hidratantes sem óleo e com fator de proteção solar são ótimos para deixar o pescoço lisinho e para prevenir rugas e flacidez.

veja também