Especialista lista dicas de cuidados antes e após a depilação

Cuidados antes e depois da depilação

Atualizado: Quinta-feira, 15 Agosto de 2013 as 1:21

A depilação, procedimento consagrado para remoção dos pelos e utilizado em diversas partes do corpo, é uma das grandes aliadas das mulheres e de muitos homens para manter a boa aparência e até mesmo a higiene. Em países como o Brasil, onde na maior parte do ano os termômetros registram temperaturas altas, é comum que as pessoas usem roupas mais curtas que deixam o corpo mais exposto. Soma-se a isso o fator cultural, que atribui ao brasileiro um perfil voltado fortemente à busca pela beleza e estética harmoniosa, o que faz da população grande adepta dos mais variados métodos depilatórios.  
 
O mercado brasileiro hoje conta com uma gama de métodos para a extração dos pelos, como ceras (quente e fria), lâminas, linha, pinça, aparadores, cremes depilatórios, Laser, entre outros. Para cada técnica, no entanto, é preciso ter alguns cuidados, pois de alguma forma o procedimento depilatório pode agredir a pele. “É muito comum que pelos encravados, irritação e manchas apareçam após a depilação e, para que isso não ocorra, alguns cuidados especiais devem ser tomados para preservar a pele e evitar riscos e lesões típicas desta prática”, comenta a Dra. Anelisa Lamberti, dermatologista membro efetivo da Sociedade Brasileira de Dermatologia e American Academy of Dermatology.
 
depilação: Dicas antes e apósNão é recomendável, por exemplo, utilizar cremes hidratantes antes da depilação, principalmente quando o método escolhido for a cera: “A hidratação amolece os pelos e isso dificulta a remoção. O ideal é  não usar nenhum produto antes e  logo depois da extração. Isso porque o uso de óleos ou cremes logo após o processo pode ocasionar a foliculite - uma inflamação dos folículos (“poros”) - já que estes ainda estão abertos”, ressalta a médica. “Evitar o uso de roupas apertadas no local da inflamação também é outro cuidado muito importante”, completa a Dra. Anelisa.
 
Cuidados valem para os homens também
Assim como as mulheres, os homens também têm seus rituais de beleza. Alguns já estão aderindo aos métodos mais dolorosos para remoção dos pelos, como cera e laser. Porém, a maioria ainda utiliza a lâmina, principalmente na área do rosto. “No pescoço, os pelos nascem em diversas direções e, por conta disso, os homens passam a lâmina muitas vezes no mesmo lugar, o que acaba agredindo e inflamando a pele. Para evitar que isso aconteça, é importante utilizar um creme de barbear espesso, que irá diminuir o atrito entre a lâmina e a pele. Outra dica é fazer a barba debaixo do chuveiro, pois o calor ajuda na abertura dos poros e, consequentemente, na remoção dos pelos. Uma boa sugestão para aqueles que tem peles muito sensíveis é usar   pós barba sem álcool, com ingredientes  calmantes  e descongestionantes”, comenta a dermatologista.
 
Caso a foliculite já esteja instalada na pele é imprescindível não cutucar. “O ideal é lavar o local com água morna, sabonete neutro e tratá-lo com uma pomada antibiótica como Nebacetin fabricada pelo laboratório Takeda, que possui os antibióticos Neomicina e Bacitracina.”, conclui a médica.
 
 
 
Com informações de: Assessoria de Imprensa da Nebacetin® e Neba-Sept®

veja também