Especialistas esclarecem dúvidas sobre os suplementos alimentares

Especialistas esclarecem dúvidas sobre os suplementos alimentares

Atualizado: Sexta-feira, 4 Dezembro de 2009 as 12

Suplementos alimentares dão energia? Eles são obrigatórios para quem está em processo de emagrecimento? Confira as respostas elaboradas pelas fontes da Agência Estado para essas e outras questões vitais a respeito dessas substâncias.

Devo tomar vitaminas mesmo se como bem?

"O consumo total de alimentos não necessariamente resolve as carências de vitaminas", diz Andrea Ramalho, coordenadora do Núcleo de Pesquisa em Micronutrientes da UFRJ. Isso pode levar à baixa produtividade e ao aumento de doenças como diabetes ou as cardiovasculares. Mas não adianta comer mal e tomar vitamina. "A comida é a base. Suplementação ajuda", afirma Johanna Dwyer, da Secretaria de Suplementos Dietéticos dos Estados Unidos.

Posso comprar a vitamina sem recomendação médica?

Sim, apesar de os especialistas aconselharem acompanhamento de nutricionista. Se ficar na dúvida, escolha os polivitamínicos, que têm doses diárias dentro das faixas de segurança, em quantidades menores, de forma que o consumo máximo não é alcançado. A nutricionista Silvia Cozzolino, chefe do Departamento de Alimentos e Nutrição Experimental da USP, explica que as vitaminas específicas devem ser indicadas pelo especialista de acordo com cada caso.

Tenho de tomar vitaminas se estou de dieta?

Sim. A suplementação não causa o emagrecimento, mas é recomendada para quem faz dietas restritivas de calorias, já que a alimentação nesses casos é carente de vitaminas e minerais. "Em quem toma remédio para emagrecer, as vitaminas lipossolúveis vão embora", alerta Silvia Cozzolino. Johanna Dwyer aconselha evitar comprar fórmulas manipuladas sem critério ou produtos pela internet, que podem ultrapassar os níveis recomendados.

Há risco em consumir vários tipos de suplementos?

Sim. Não se recomenda associar mais de um suplemento, pois poderá haver consumo excessivo de algumas vitaminas ou minerais, ultrapassando os limites máximos. Em crianças, é preciso ter cuidado com o excesso de suplementos, para que não fiquem obesas, de acordo com Silvia Cozzolino. "Não se deve lançar mão de um polivitamínico e outro suplemento, a não ser com recomendação médica", diz Claudio Santos, diretor médico da Wyeth Consumer.

Qual o melhor horário para se tomar a vitamina?

Há vitaminas lipossolúveis e hidrossolúveis. Por isso, o ideal é tomar o suplemento durante uma das refeições, de forma a melhorar a absorção das vitaminas lipossolúveis. Claudio Santos recomenda tomá-lo no café da manhã ou no almoço, para o melhor aproveitamento das substâncias. Nunca tome junto com remédios. É necessário fazer um intervalo de duas horas, caso tome algum medicamento, mesmo homeopático, para evitar que haja alguma reação.

Os suplementos combatem o cansaço físico?

"Suplementos de vitaminas e minerais vêm para complementar a dieta. Se a alimentação for pobre, o suplemento não vai fazer milagre. Ele não é um energético", explica Claudio Santos. Por corrigir as deficiências de vitaminas e minerais, quem o toma pode se sentir melhor e ter o funcionamento do organismo otimizado. Em alguns casos, o cansaço físico pode estar associado à carência de elementos como ferro, vitamina B1 e B5.

veja também