Estilista transforma jornais velhos em vestido de noiva

Estilista transforma jornais velhos em vestido de noiva

Atualizado: Quarta-feira, 21 Julho de 2010 as 8:49

Mil origamis feitos com jornal reciclado. Esse pode parecer um material, no mínimo, exótico para um vestido de noiva, mas foi o escolhido pela estilista Yuliya Kyrpo para criar um modelo inusitado. 

O vestido foi feito a partir de pedaços dos jornais diários distribuídos no metrô de Londres. Dobrados no formato de tsuru, um clássico origami japonês, os mil papéis foram colados um a um até finalizar a roupa. 

Tanta criatividade rendeu à obra um lugar no Trash Fashion Show, exibição do Museu de Ciências de Londres que vai apresentar tendências e ideias inovadoras para reduzir a quantidade de lixo causada pela indústria da moda. 

Além de mostrar que é possível dar nova serventia para materiais descartáveis como jornais, a obra é uma homenagem a Sadako Sasaki, vítima de Hiroshima que morreu de leucemia aos 12 anos, no Japão, e virou símbolo da paz. 

A jovem tinha dois anos quando a bomba explodiu a apenas 2 km de sua casa. Porém, só com 11 anos Sadako apresentou os primeiros sintomas da doença. Já internada no hospital, a garota recebeu a visita de uma amiga, que lhe contou a lenda do tsuru. Segundo o mito, a pessoa que conseguisse fazer mil dos origamis, teria um pedido realizado. 

Assim, Sadako passou o resto dos seus dias dobrando os pássaros e pedindo que fosse curada. Ela morreu um ano após sua internação, depois de dobrar 644 origamis. Após sua morte, seus amigos completaram os mil pássaros de papel e um monumento foi erguido em sua homenagem, como um símbolo de todas as crianças que morreram no ataque a Hiroshima e que pediam por paz.

veja também