Fios de Seda alia efeitos da progressiva com a hidratação

Fios de Seda alia efeitos da progressiva com a hidratação

Atualizado: Segunda-feira, 25 Outubro de 2010 as 10:59

Quem não abre mão de desfilar com os cabelos lisos por aí, mas não suporta a batalha diária do estica e puxa com secador e prancha, pode contar com mais um método de alisamento, além da escova progressiva. Escova Progressiva Conhecido como Fios de Seda, a técnica promete fios com efeito natural e mais o benefício de uma super hidratação, devolvendo maciez, elasticidade e brilho às madeixas.

"O tratamento não agride o DNA dos fios, porque não usa uma formulação com produtos químicos, que podem danificar os fios. Sua base é feita de proteína, queratina e um aditivo especial", diz a cabeleireira Déia Dios, proprietária do Salão DDios, em São Paulo, e criadora do novo método.

Quem pode fazer

Apesar de ser uma alternativa à escova progressiva, o Fios de Seda não tem a finalidade única de alisar os fios. Quem quer reduzir o volume dos cabelos ou o frizz também pode se beneficiar dela. "O que fazemos é adequar o método dependendo de cada objetivo e tipo de cabelo", explica Déia.

A flexibilidade do tratamento é uma decorrência da sua forma de aplicação. Funciona assim: o produto é aplicado em todo o cabelo, por camadas, e deverá agir por cerca de trinta minutos. "Se a pessoa estiver com muito frizz ou com o cabelo muito seco deixamos o produto atuar por mais tempo", diz a cabeleireira.

Ainda com o produto na cabeça, segue a fase que vai definir a modelagem dos fios. Se a ideia é deixá-los alisados, é feita uma escova com secador e em seguida é passada a prancha nas mechas para selar os fios com o produto. Mas essa etapa vai depender da preferência de cada mulher. Quem quiser manter as ondas nos cabelos cabelo, por exemplo, pode optar pela técnica, mas pular a fase da chapinha. Dessa forma, é realizada apenas uma escova com efeito cacheado para manter a ondulação. Em casa, o cabelo poderá ser lavado normalmente sem precisar respeitar um intervalo de ação do produto, como ocorre com algumas progressivas, em que os fios devem ficar até três dias sem ver água para não cortar o efeito do procedimento.

A redação testou

O MinhaVida decidiu testar a técnica e comprovar os seus efeitos. E mesmo nos fios mais ressecados, o resultado foi surpreendente. A repórter Camila Michel, que aplicou tintura e até água oxigenada nas madeixas nos últimos meses foi conferir de perto. "Meu cabelo estava fraco e quebradiço. Depois de abusar das químicas, eu não o reconhecia mais. Eles estavam sem brilho e pesados", conta Camila. "Percebi que o tratamento aumentou a maciez, diminuiu o frizz e aumentou a elasticidade dos fios. O efeito liso fica natural e os fios ficam com balanço, sem ficar com aquele aspecto "grudado" no couro cabeludo e nem esticados demais."

veja também