Idosos com problemas ganham opção fashion

Idosos com problemas ganham opção fashion

Atualizado: Segunda-feira, 30 Agosto de 2010 as 9:15

Com a expectativa de vida aumentando no país, a empresária Vanda Calgaro resolveu unir o útil ao agradável em uma proposta ousada: lançar uma grife voltada exclusivamente aos mais velhos, sobretudo àqueles que enfrentam problemas motores e cognitivos, como demência senil e doença de Alzheimer.

Dona de um centro de atendimento especializado em idosos, com os quais convive há 23 anos, Vanda percebeu que seus clientes enfrentavam problemas na hora de se vestir.

- Para um paciente que está acamado, em uma cadeira de rodas, colocar uma calça fechada ou um moletom é quase uma tortura. A ideia de criar a grife surgiu ao perceber que havia uma carência de algo nesta linha na moda.

Por isso, afirma, sua marca, a Sharisma, é diferente. As peças foram feitas para que a modelagem se adequasse ao propósito. As calças surgem recortadas na parte de trás, as camisas têm abotoamento traseiro, e as cuecas, aberturas frontais.

- Os recortes facilitam na hora de colocar as roupas.

Para criar roupas mais práticas, a empresária contratou uma estilista, com quem passou três anos realizando pesquisas, em sua clínica.

- Analisamos as medidas dos corpos, a caída dos ombros, que encurtam ao envelhecer, e fomos à caça de tecidos mais confortáveis, que ajudassem no processo de transpiração, por exemplo.

A primeira loja da grife, que vende apenas pela internet, será inagurada em dezembro, na alameda Lorena, nos Jardins, em São Paulo.

- As vendas on-line foram bem interessantes, e os clientes pediram que abríssemos lojas físicas. Além da sede na capital, estudamos abrir uma unidade em Santos, cidade em que há uma boa população de idosos.

Questionada se as roupas, além de práticas, também prezam pelo estilo, ela fala:

- Procuramos seguir [na coleção] as tendências de moda do mercado. Não fazemos roupa de "velhinho".

veja também