Invista em unhas postiças para aproveitar a febre dos esmaltes

Invista em unhas postiças para aproveitar a febre dos esmaltes

Atualizado: Terça-feira, 26 Outubro de 2010 as 10:44

Os esmaltes coloridos tomaram conta das unhas das mulheres. Seja com efeito perolado, fosco, holográfico e até cobertos por glitter, eles deixaram de ser apenas uma pintura para se transformarem em uma espécie de acessório de moda.

Mas, cá entre nós, é preciso estar com as unhas em dia para exibir um esmalte colorido e não estragar todo o seu efeito. Se você tem as unhas fracas, quebradiças, rói, ou simplesmente tem preguiça de ir ao salão toda semana para deixar as mãos impecáveis, as unhas postiças podem ser a solução para os seus problemas.

Gabriela Rocha, técnica em unhas da Cosmix Pro Nails, explicou ao R7 algumas das vantagens de usar as postiças.

- Uma das principais vantagens é que o esmalte não descasca. Na unha postiça, ele dura de dez a 15 dias. Hoje a mulher também não tem tempo de ir ao salão toda hora, então ela pode colar uma unha em casa e já ficar com as mãos em dia. Ou, se uma unha quebra, a postiça serve para ajeitar apenas esse defeitinho.

Gabriela explica que as unhas postiças vendidas em kits, que podem ser colocadas em casa, são feitas em plástico ABS. Elas devem ser fixadas com uma cola especial e duram de sete a dez dias.

- A cola vai ressecando com o tempo. O ideal é que a pessoa nunca arranque as unhas. Ela deve colocar o dedo de molho na acetona ou na água morna que a unha vai derretendo. Depois disso, é só lixar.

A especialista ainda alerta que é preciso usar removedores sem acetona na hora de trocar o esmalte. Caso contrário, você corre o risco de ficar sem as postiças.

Outro alerta é no que diz respeito à cola. Use apenas produtos específicos para as unhas, ou seja, nada de querer experimentar outras colas nos seus dedos. Segundo Gabriela, várias mulheres usam produtos inadequados achando que as unhas irão durar mais.

- Tem gente que usa colas instantâneas (tipo Super Bonder) acreditando que vai durar mais. Mas esse tipo de cola não é solúvel em acetona. As colas específicas para as unhas são testadas e feitas especificamente pra isso.

Unhas bonitas por mais tempo

Se você gostou da ideia de ter unhas postiças e acha que vale a pena investir em algo ainda mais duradouro, saiba que há métodos que duram anos.

As unhas de porcelana, por exemplo, são as opções mais resistentes entre as unhas postiças. Segundo Gabriela, elas duram mais de um ano se cuidadas da maneira correta. Há ainda opções acryl gel, que dão um efeito mais natural e duram cerca de dois meses; e as unhas de silicone, que são mais frágeis, porém, dão um resultado mais aproximado às unhas naturais.

As unhas feitas desses materiais devem ser aplicadas em salões, por profissionais especializados.

Desenhos e francesinhas

Se sua preocupação é apenas enfeitas as unhas, saiba que as postiças também podem atender o seu desejo. A marca Fing’rs, por exemplo, lançou recentemente as chamadas candy nails, que são unhas decoradas com efeitos em 3D, produzidos com porcelana.

A decoração é parecida com as feitas em tinta, com a diferença de que ficam em alto relevo. Atualmente, a decoração é feita apenas em alguns estabelecimentos e custa, aproximadamente, de R$10 a R$20 por unha.

A marca Cosmix também lançou três novas linhas de unhas postiças. As coleções são apenas para as pontas, ou seja, são coladas no último pedaço da unha, criando francesinhas coloridas.

Saúde das unhas

Muita gente ainda não vê a saúde como principal aliada da beleza. Mas até no caso das unhas, o "ser saudável" é essencial. Por mais que as suas mãos estejam belas com as unhas postiças, é importante respeitar o prazo de validade delas e trocá-las de tempos em tempos, conforme a orientação de sua manicure.

De acordo com a dermatologista Andreia Mateus, coordenadora do Departamento de Cosmiatria da Sociedade Brasileira de Dermatologia, o principal problema das postiças é que as unhas naturais precisam ser lixadas.

- Isso enfraquece as unhas, deixando-as porosas e quebradiças, descamando e facilitando o aparecimento de micoses. As versões mais indicadas das postiças são aquelas que necessitam de pouco lixamento, como as de silicone em vez das de porcelana, por exemplo.

Até na hora de fazer as cutículas é necessário cuidado redobrado.

- As brasileiras têm mania de tirar muito a cutícula. Além de não ser necessário, muitas vezes isso gera infecções graves pela entrada de germes e bactérias, que podem gerar traumas no local. Limpar um pouquinho, sem aprofundar muito, já é suficiente.

A dermatologista também alerta para o uso de esmaltes com formaldeído e tolueno.

- Essas substâncias são tóxicas e podem gerar alergia de contato, principalmente para quem tem as unhas sensíveis. O ideal, nesses casos, é procurar por produtos hipoalergênicos.

Na hora de tirar as unhas postiças, deixando-as em imersão na água quente, evite passar um esmalte por cima.

- Quem usa muito esmalte e unha postiça pode ficar com o que chamamos de 'síndrome das unhas frágeis'. Deixar as unhas em imersão na água quente antes de aplicar o esmalte ou a cola da unha postiça pode deixá-las descamando depois ou com algumas manchinhas brancas, pois elas ficam mais porosas, como o fio de cabelo com as escamas abertas. Isso facilita a perda de queratina e 'abre espaço' para a entrada das substâncias tóxicas dos esmaltes e da cola das postiças, enfraquecendo as unhas naturais.

O ideal é esperar algum tempo até elas secarem completamente e, só a partir daí, aplicar o esmalte ou a cola da unha postiça.

veja também