Ler rótulos dos alimentos pode ajudar a emagrecer

Ler rótulos dos alimentos pode ajudar a emagrecer

Atualizado: Terça-feira, 5 Outubro de 2010 as 9:36

Ir ao supermercado atualmente é um exercício intelectual à parte. Saber identificar as sutis diferenças entre os alimentos requer paciência e uma vista treinada.

E apesar de toda essa confusão visual e informações diversas disponíveis, um artigo publicado no periódico Journal of Consumer Affairs sugere que aquelas pessoas que conseguem entender o que faz produtos similares serem diferentes uns dos outros – como saber identificar se um alimento é light, diet, ou então feito com farinha integral ou enriquecida, por exemplo – conseguem perder mais peso ou mantê-lo estável por mais tempo.

O estudo, conduzido por Bidisha Mandal da Universidade Estadual de Washington, usou dados colhidos por um estudo amplo que acompanhou mais de 12 mil indivíduos e suas famílias, finalizado em 2006. A partir da análise desses dados, Mandal chegou à conclusão de que consumidores que liam o rótulo antes de comprar um determinado produto tinham médias de peso menores do que aqueles que não liam os rótulos.

Mesmo levando em conta hábitos sedentários, o primeiro grupo levava certa vantagem, ou seja, "leitores" de rótulos que não faziam exercícios conseguiam manter mais o peso do que os consumidores mais dispersos, porém ativos fisicamente. Ao introduzir o hábito de exercícios entre os consumidores mais atentos, as mudanças no peso foram ainda mais positivas.

Esses consumidores atentos eram, na sua maioria, mulheres, com idade entre 37 e 50 anos. Aproximadamente 50% dessas pessoas diziam que estavam em algum tipo de dieta para perder ou controlar o peso. O hábito comum entre essas pessoas era ler atentamente o rótulo de um produto a primeira vez que compravam e depois fazer leituras menos atentas toda vez que voltavam a consumir esses produtos. Menos de 20% desses indivíduos faziam algum tipo de atividade física, e a grande maioria havia interrompido qualquer tipo de exercício mais vigoroso após completarem 45 anos.

A leitura atenta dos rótulos dos alimentos industrializados, dizem os pesquisadores, mantém os consumidores sempre informados sobre o que estão comprando, promove informações que podem ajudar em padrões de comparação entre produtos similares, ajudando esses consumidores a optarem por produtos com menos açúcar, gordura, sal e mesmo conservantes. Essas pessoas acabam fazendo escolhas mais conscientes e dietas mais equilibradas, o que leva à manutenção ou perda do peso.

veja também