Maquiagem conta pontos no trabalho

Maquiagem conta pontos no trabalho

Atualizado: Sexta-feira, 16 Setembro de 2011 as 9:15

Quando o assunto é maquiagem, muitas mulheres torcem o nariz e fazem cara feia. Contudo, um rosto bem cuidado é cartão de visitas em qualquer empresa.

"O primeiro contato visual com uma pessoa é suficiente para moldar uma ideia a respeito dela", afirma Lorena Mello Borja, gerente de tendências da Contém 1g, de cosméticos.

A maquiagem, afirma, tanto pode passar uma imagem de clareza, cuidado e firmeza, como uma de desleixo. Dependendo da ocasião, a maquiagem torna-se essencial para ter atenção em uma reunião, para ser ouvida durante um almoço e até para conquistar um aumento.

Mas tudo isso, aponta Borja, se estiver na dose certa. "Tudo o que é muito e forte envelhece", afirma.

CORES E NUANCES

Uma maquiagem perfeita começa com uma pele bem preparada: limpa, tonificada e hidratada.

Antes de pegar o pincel, contudo, é preciso fazer algumas avaliações, como seu tipo de pele e a ocasião. "Cada situação requer uma marcação diferente no olhar", considera Borja. Algumas pedem "uma boca mais marcante".

A escolha das cores é fundamental. A especialista diz que apostar nos "nude" ou róseos ajuda a profissional a não errar a mão.

"Quando a gente fala de trabalho, tudo tem de ser mais leve", orienta Borja.

Para uma entrevista de emprego, por exemplo, é recomendada a predominância das cores neutras, bem como no dia a dia no trabalho. "Com isso, a pessoa que está lhe ouvindo presta atenção em você."

Em reuniões dentro da empresa, ou fora, como em cafés e almoços, o ideal é intensificar a área dos olhos com lápis e sombra. Nesse caso, a boca deve trazer tons claros.

Para pedir aumento, por exemplo, a situação é contrária. "O batom forte e os olhos menos marcados fazem o ouvinte prestar atenção no que você está falando", afirma Borja.

Uma dica é escolher um só ponto do rosto para reforçar a maquiagem. Se o batom é intenso, suavize o olhar. "Cores fortes [em todo o rosto] tiram a atenção."

veja também