O chocolate que era inimigo agora é aliado no emagrecimento

O chocolate que era inimigo agora é aliado no emagrecimento

Atualizado: Quinta-feira, 28 Julho de 2011 as 9:25

Dez em cada dez mulheres são alucinadas por chocolate ou, pelo menos, aliviam suas tensões e estresse da TPM com essa delícia. Ok, ok, é muito bom e traz uma certa felicidade quando comemos. O problema é que engorda (e muito!). Já pensou que sonho aliar o prazer de comer chocolate com o fato de o mesmo não engordar e ainda ajudar a emagrecer? Pois não é apenas um sonho, já se tornou realidade.

A novidade foi desenvolvida no Brasil pelo Departamento de Pesquisa e Desenvolvimento do IPUPO Consult, uma consultoria especializada no desenvolvimento de nutricosméticos para o mercado brasileiro. "Esse chocolate emagrecedor foi resultado de uma série de pesquisas científicas e baseado na dieta do Mediterrâneo. Percebemos que na Itália, a população tem menos obesidade e problemas de saúde. Então, fomos investigar os hábitos alimentares. Lá, eles usam óleo de azeite extra-virgem e bebem vinho, que contem polifenóis em todas as refeições. Além disso, bebem água rica em cromo, que é mais salina", explica Mauricio Pupo, farmacêutico, professor de cosmetologia e responsável pelo desenvolvimento do produto.

O "chocolate emagrecedor" traz em sua formulação uma mistura de todas essas substâncias que fazem tão bem à saúde. Tem polifenóis, que impedem a proliferação de adipócitos, cromo, um mineral que inibe o apetite, ajuda a diminuir a gordura e aumenta a massa magra e 50% de cacau desengordurado, que além de não engordar é um poderoso antioxidante ? capaz de impedir o acúmulo de gordura no corpo. Por isso, pode-se dizer que, além de não engordar, ele traz saciedade e ajuda a emagrecer.

O interessante é que um especialista indique a quantidade certa que deve ser ingerida ao longo do dia, porque isso é muito pessoal e depende de cada caso. O máximo que pode ser consumido são cinco unidades (tem o tamanho de um alpino) por dia, mas isso no caso de atletas. "Se a pessoa for obesa, o ideal é não ultrapassar 2 unidades. Por isso é importante que um profissional oriente nisso", diz Maurício.

O chocolate não tem um sabor super doce, mesmo porque é composto de bastante cacau. O gosto se assemelha ao do chocolate amargo, aqueles que trazem 70 a 80% de cacau em sua composição. Para quem quiser experimentar, deve pedir pelo "chocolate emagrecedor" nas farmácias de manipulação.

veja também