O uso excessivo de esmalte pode causar alergia

O uso excessivo de esmalte pode causar alergia

Atualizado: Terça-feira, 6 Julho de 2010 as 2:49

Os esmaltes tornaram-se acessórios da moda e, assim como uma bijuteria, ajudam a compor um visual. Há cores para todos os gostos e para todas as ocasiões. A moda das unhas coloridas está tão em alta que, no último domingo (4), foi organizado um evento em São Paulo para reunir fãs de esmaltes - existem até blogs voltados ao assunto.

Os lançamentos não param e, com tantas opções, fico na maior dúvida na hora de fazer as unhas. Tem semana que saio de casa com uma cor em mente, mas quando chego ao salão e a Luzia, minha querida manicure, abre aquela maleta repleta de novos vidrinhos coloridos, minha decisão vai por água abaixo.

Escolher a cor do esmalte pode ser muito, mas muito difícil. Até de azul eu já pintei minhas unhas! Nunca pensei que seria capaz de tamanha ousadia fashion. Com tantas opções, seria preciso pintar as unhas a cada dois dias para dar conta de experimentar todas as novidades.

É aí que mora o perigo. Os esmaltes comuns levam em sua composição o toluenossulfonamida, uma substância derivada do formol, e o maior responsável por causar alergia. E o que é pior: quanto mais escura e forte a cor do esmalte, maior a concentração dessa substância.

A alergia do esmalte manifesta-se, geralmente, ao redor dos olhos. Quando coçamos os olhos, estamos estimulando o contato do esmalte nessa região. Uma vez diagnosticado o problema, é hora de dar adeus aos esmaltes comuns - a partir daí, só é possível usar os hipoalergênicos.

Segundo a dermatologista Marcella Delcourt, "tem aumentado o número de casos de alergias atendidos em meu consultório. Muitas pacientes chegam aqui com problemas na região dos olhos e nem imaginam que é devido ao uso de esmaltes".

Alem disso, Marcella afirma que "usar esmalte por muito tempo, ou trocá-lo a toda hora, pode ressecar e enfraquecer as unhas. E a acetona também pode deixá-las mais quebradiças. O ideal é deixar as unhas descansarem ao natural por uns dois dias antes de pintá-las novamente".

Para quem gosta de experimentar todos os lançamentos de esmalte, assim como eu, é bom acatar essas recomendações. A menos que você queira passar a usar apenas os hirpoalergênicos, que além de não possuírem cores muito atraentes, custam dez vezes mais do que os vidrinhos comuns.

veja também