Os fios alisados

Os fios alisados

Atualizado: Quarta-feira, 31 Agosto de 2011 as 10:12

Fã dos fios chapados, a brasileira costuma investir pesado em tratamentos como escova progressiva e alisamentos. O detalhe é que o cabelo acaba sofrendo com este excesso de química e a manutenção em casa acaba se tornando imprescindível no dia a dia da mulher com cabelo alisado.  

Depois que o cabelo é submetido ao alisamento, o hairstylist Carlos Jamayka, do Salão Santo Fio, em São Paulo, recomenda, logo de cara, o tratamento conhecido como Blindagem 3D. “Ele cria uma película protetora ao encapar e proteger os fios, conservando o efeito do alisamento e impedindo novo dano”, diz.  

Dia a dia

Depois de garantir a blindagem dos fios, é preciso apostar em uma manutenção diária eficaz. O primeiro passo, portanto, é investir em produtos específicos para fios alisados: “Confira o composto químico utilizado no processo para ajudar na hidratação no salão e na escolha dos produtos. O ideal é perguntar ao profissional qual foi o ativo usado na progressiva para saber se o produto pode ou não ser usado sem correr risco, levando em consideração a textura do fio de cabelo”, comenta.

Outra dica importante é prestar atenção também na frequência das lavagens. A regra aqui é usar o bom senso. “Os fios devem ser lavados quando estiverem sujos para evitar a proliferação de bactérias que podem causar danos para o couro cabeludo e para o fio”, diz Jamayka. “Siga sempre o bom senso: caso lave pela manhã e tiver o couro cabeludo oleoso, e for para academia treinar, provavelmente será necessário lavar o cabelo pela noite. Portanto, a dica é praticar esporte quando os fios estiverem para lavar. Caso a segunda lavagem seja precisa, não esfregue muito o fio, apenas passe um xampu de leve e enxágue bem”, ensina.

Alisamentos mais suaves

Felizmente, hoje os tratamentos evoluíram e não há nenhum tipo de proibição. “Os tratamentos estão bem mais suaves e não proíbem. Alguns podem limitar o uso do mar por causa do sal, outros da água de piscina pelo cloro, outro para não tomar muito sol”, fala Carlos.  

Porém, não é porque os métodos estão mais suaves que se deve relaxar. “Depois que os fios forem processados com produto químicos, eles não voltam mais ao que eram e os cuidados devem ser redobrados, com retoques nos fios que crescerem, sem deixar que a química toque nos que já foram processados. A falta da manutenção diária pode deixar o cabelo  com baixa resistência. Deve-se evitar prender cabelos depois da química principalmente se os mesmos estiverem molhados”, completa.

veja também