Os mitos e as verdades sobre caspa

Os mitos e as verdades sobre caspa

Atualizado: Terça-feira, 13 Setembro de 2011 as 10:45

Homens VS Mulheres

O homem é mais propenso a ter uma maior produção de sebo em sua glândulas, causando desta forma um couro cabeludo mais oleoso e, portanto, um cabelo mais oleoso. Isto poderia incentivar a aparição da caspa. Além disto, o homem tem o couro cabeludo mais fraco o que aumenta sua tendência à presença da caspa. Entretanto, esta disfunção pode atingir homens e mulheres em proporções semelhantes. As variações que acontecem são decorrentes de diversos agentes causadores da caspa.

Cabelos loiros VS Cabelos escuros

Não existe nenhum estudo científico que comprove a existência de um tipo de cabelo mais suscetível a caspa. O que acontece é que a caspa normalmente é mais visível em cabelos escuros, por conta da cor clara da pele descamada.

Inverno VS Verão

A caspa pode aparecer durante todo o ano. Não existe nenhum estudo comprovando que o problema se agrave em determinada estação, entretanto, alguns hábitos que adotamos no inverno podem contribuir para que a caspa seja percebida com mais facilidade. Por exemplo, diminuindo a quantidade de lavagens do cabelo pode haver um aumento de sebo no couro cabeludo, além de eliminar os resíduos com menos frequência, favorecendo a visualização da descamação.

Outro fator é o excesso de banhos quentes, que ressecam o couro cabeludo e favorecem o aparecimento da caspa. O uso abusivo do secador, sol em excesso e água muito quente são agressões externas que podem contribuir para formação da caspa. O calor afeta o couro cabeludo, estimulando a produção excessiva das glândulas sebáceas.

Anticaspa VS Shampoos Comuns

Isso é um mito que precisa ser quebrado. Ainda existe uma parcela da população que acredita que os shampoos anticaspa não trazem os mesmos resultados quando o assunto é beleza (54% das mulheres entrevistadas, que declararam ter caspa, disseram acreditar que este tipo de shampoo resseca o cabelo). Mas, como veremos mais detalhadamente no próximo capítulo, os atuais produtos para o tratamento desta disfunção trazem os mesmos benefícios que os convencionais. Assim como um shampoo desenvolvido especialmente para dar beleza aos fios, um anticaspa de qualidade apresenta propriedades condicionantes que ajudam a combater o ressecamento dos fios, além de proporcionar benefícios diversos para a beleza dos cabelos. Antes de qualquer compra, é importante escolher o produto de acordo com a condição do cabelo de cada um.

Condicionador VS Caspa

Muitas pessoas questionam se devem suspender o uso de condicionadores após o surgimento da caspa. E, ao contrário do que acreditam, pular esta etapa só deixa os fios ressecados! O condicionador anticaspa usado adequadamente, conforme orientações da embalagem, pode ser um ótimo aliado para ajudar a eliminar a caspa com eficiência e ainda manter os fios saudáveis, brilhantes e hidratados.

Lavagem dos fios VS Descamação

A caspa não é causada por uma falta de higiene pessoal. Mas esta é uma crença das pessoas, tanto que 45% dos entrevistados pela pesquisa “Barriers for Anti- Dandruff Shampoo”, produzida pela KNACK, em outubro de 2009, declararam que intensificam a limpeza do cabelo quando a caspa aparece, aumentando o número de lavagens e efetuando uma lavagem mais “aprofundada” do couro cabeludo. Entretanto, não é necessário lavar a cabeça mais vezes do que o habitual. Pelo contrário, isso até agrava o problema: o excesso de lavagens diárias

pode irritar o couro cabeludo, causando mais coceira e desconforto.

Receitas Caseiras

Os resultados provam que receitas caseiras não tratam nem combatem a caspa como shampoos anticaspa. Algumas, além de não serem eficazes, podem, inclusive, ser prejudiciais à saúde. Esfregar limão, por exemplo, além de irritar a pele, causando vermelhidões, pode provocar o aparecimento de bolhas e manchas escuras. Detergente líquido e sabão em pó também estão na lista dos produtos que prometem acabar com a caspa, mas os resultados das experiências envolvendo estes produtos, que são de uso doméstico e não de higiene pessoal, são: o ressecamento excessivo dos fios e o surgimento de fissuras no couro cabeludo. Já algumas medidas, como passar iogurte ou uma infusão de folhas de louro, podem não ser agressivas, mas também não têm resultados comprovados.

Shampoo Anticaspa VS Escova Progressiva

Não existe problema em fazer uso de shampoo anticaspa após tratamentos químicos dos fios. O shampoo anticaspa tem a função de limpar e ajuda a combater a caspa e não tem nenhum efeito diferente de outros shampoos sobre qualquer tratamento para os cabelos.

veja também