Paris não aceita mudança de datas e bagunça calendário

Paris não aceita mudança de datas e bagunça calendário

Atualizado: Quinta-feira, 15 Dezembro de 2011 as 11:14

Nesta quarta-feira, uma reunião realizada entre as marcas que integram o calendário de desfiles da semana de moda de Paris colocou mais lenha na fogueira sobre as datas das apresentações nas principais capitais mundiais. Por unanimidade, as grifes votaram por manter os dias pré-estabelecidos de lançamentos para os anos de 2013 e 2014. Isso significa que não há acordo entre as datas e que, se mantida a decisão francesa, haverá sobreposição dos eventos.

As semanas de moda de Paris estão agendadas para acontecer entre 26 de fevereiro e 6 de março e 24 de setembro e 2 de outubro em 2013 e para 25 de fevereiro a 5 de março e 23 de setembro a 1 de outubro em 2014. Segundo as negociações que se desenhavam, os desfiles parisienses deveriam começar no dia 2 de outubro em 2013 e no dia 1º do mesmo mês, em 2014.

Toda discussão começou quando o Council Fashion Designers of America decidiu postergar em uma semana o início das apresentações da semana de moda de Nova York, o que não estava acordado entre os eventos de Milão, Londres e Paris.

A Camera Nazionale Della Moda Italiana, por meio de seu presidente Mario Boselli, chiou e fez uma série de declarações à imprensa já que o único acordo firmado datava de 2008, quando as entidades de Milão, Nova York, Paris e Londres concordaram em ampliar em um dia as apresentações na capital inglesa.

Para tentar minimizar as discussões, no começo do mês, a Camera Nazionale Della Moda Italiana fez uma proposta ao British Fashion Council, que organiza os lançamentos em Londres, no qual aceita que a semana de moda de Nova York comece uma semana depois do habitual, mais precisamente na segunda quinta-feira de cada mês de setembro, a partir de 2013. Mas para que isso aconteça, o evento deve terminar um dia antes. Isso faria com que os desfiles londrinos começassem com um dia de antecedência, assim os de moda masculina, realizados sempre por último, não aconteceriam ao mesmo tempo que as apresentações de Milão.

A Camera Della Moda também exigia que os organizadores da semana de moda de Paris concordem com os termos, o que não se confirmou nesta semana. A presidente do CFDA, Diane Von Furstenberg, concordou em mudar as datas de Nova York apenas a partir de 2013, mas não aceitou diminuir em um dia o evento, pois afirmou que nesta ocasião se apresentam marcas importantes que tradicionalmente lançam suas coleções, como Ralph Lauren e Calvin Klein.

veja também