Plantas naturalmente precursoras de Testosterona

Plantas naturalmente precursoras de Testosterona

Atualizado: Quarta-feira, 22 Junho de 2011 as 11:09

Salsa Parrilha, Damiana, Licorice

Veja agora quais são as matérias-primas que funcionam para os cosméticos masculinos:

1-   Glycyrrhiza glabra   L.

LICORICE é o nome comumente utilizado na Itália para denominar a planta, que no Brasil é conhecida como   Alcaçuz . Seu nome científico é   Glycyrrhiza glabra .

Esta planta é pertencente à família das leguminosas e somente a sua raiz tem interesse cosmético e farmacêutico.

Desde a antiguidade utilizam-se infusões de licorice para afecções bucais, de garganta e pulmão devido a sua forte atividade antiinflamatória. 

Existem também diversas referências quanto ao seu uso por ingestão para o tratamento de úlceras, sendo que em todos os relatos há diminuição das dores estomacais provocadas por ulcerações.

A   Regaliz   (nome mencionado na Espanha) é amplamente encontrada em cultivos na Península Ibérica.

Seus principais constituintes químicos são as saponinas triterpênicas, mais bem conhecidas como derivados em forma de sal do ácido glicirrícico.

Cada derivado do ácido glicirrícico, além das propriedades antiinflamatórias, adquiriu propriedades adicionais de acordo com o tipo do sal formado. O derivado da neutralização com amônia demonstrou propriedades específicas no tratamento da dermatite seborréica do couro cabeludo e pele, sendo este estudo encontrado em muitos dossiês técnicos, sendo ainda fruto de uma patente internacional.

A dermatite seborréica é um dos muitos fatores causadores da caspa, pois devido à ela o folículo capilar é coberto, causando a falta de oxigenação do bulbo capilar e provocando a queda dos cabelos.

A ação antiinflamatória é também bastante indicada, pois as reações irritativas do couro cabeludo causam excessivas descamações, ardências, coceiras e queda de cabelo.

Com o Glicirricinato monoamônico a diminuição da secreção sebácea foi especialmente significativa, sendo que no tratamento da caspa propriamente dita, é indicado a associação de um antifúngico de espectro ideal contra o Pitrosporum ovale.

MECANISMO DE AÇÃO

A ação do Licorice quanto a regulação sebácea está relacionada a sua interação com a Testosterona inibindo a sua conversão em dihidrotestosterona, resultando assim em maiores níveis deste hormônio andrógeno. Desta forma a hipersecreção sebácea não ocorre e pode-se explicar o seu mecanismo de ação. 

Este resultado é o mesmo para couro cabeludo e pele do rosto.

Neste processo ocorre a neutralização da enzima 5-alfa-redutase tipo 1, que é a enzima responsável pela hidrólise da Testosterona e é encontrada na pele.

Ao propiciar a maior síntese de Testosterona e sua menor hidrólise, regula-se convenientemente a secreção sebácea.

2   ROSE HIPS   Rosa canina   L.

Rose Hips são os frutos, não completamente amadurecidos de espécies de rosáceas, incluindo esta que é chamada de   Rosa canina   (Rosaceae).

Aporte de flavonóides, vitaminas do complexo B, aminoácidos e vitamina C dos frutos 

0 roseiral silvestre é um arbusto sarmentoso de 1 a 3 metros de altura, com os talos armados de aguilhões curvos e recurvados.

As flores, sustentadas por estacas individuais, formam como se fossem urnas, em cuja borda superior nascem as 5 pétalas, que são desiguais, porque umas tem barbas ou lacínias, e outras, não.

USOS E PROPRIEDADES 

O extrato de Rose Hips é especialmente útil na área cosmética devido ao seu alto teor em flavonóides anti-oxidantes, ou bioflavonóides também conhecidos como vitamina P, vitaminas diversas, destacando-se em especial a vitamina. C.

O seu uso, devido a essa composição é especialmente útil nos produtos onde se deseja efeito antioxidante, promovido por estresse oxidativo ou pela radiação solar.

Sugere-se especialmente a aplicação em formulações cosméticas onde a função do produto em si seja a de proteger os lipídeos da camada córnea dos cabelos ou da pele.

Quando os lipídeos protetivos dessas superfícies são oxidados pela radiação solar, eles perdem sua capacidade fotoprotetiva, ocorrendo então o enfraquecimento do fio de cabelo, sua desidratação, entendido como ressecamento e mudança de coloração. A proteção dos lipídeos dos cabelos é então essencial.

3   CHICÓRIA   Cichorium intybus

Frutosan é o polímero de D-frutose, onde cada cadeia é terminada por um resíduo de D-glucose. São encontrados na natureza como oligosacarídeos com unidades de polisacarídeos acima de 10.

Também é encontrado com unidades de mais de 50 polisacarídeos. O mais conhecido Frutosan é a Inulina, um carbohidrato distinto encontrado comumente nas raízes da chicória.

MOLÉCULAS DE ENERGIA

A degradação de Frutosan origina moléculas de frutose, que desta forma é fosforilada por enzimas, seguindo assim a hidrólise convencional dos açúcares, produzindo enormes quantidades de energia obtida diretamente da frutose. O nível de energia obtida diretamente da frutose é bem maior do que o obtido diretamente da glicose.

USOS E PROPRIEDADES 

O extrato de chicória destina-se a todas as aplicações cosméticas , onde deseja-se hidratação com extrema AÇÃO OXIGENADORA E ENERGIZANTE. 

A Inulina promoverá toque suave e proteção do manto hidro-lipídico da pele. 

A especial capacidade de diminuição de perda de água trans-epidérmica é atribuída aos derivados de açúcares polimerizados presentes na planta.

A ação oxigenadora e energizadora celular da Inulina é encontrada largamente em literaturas técnicas.

4   CASTANHA DO PARÁ   Bertholletia excelsa   HBK

O Castanheiro do Pará é uma árvore social encontrada em grupos importantes (castanhais) formando até grandes matas, estendendo-se desde os estados do Maranhão e Mato Grosso até o Pará e Amazonas. 

Atinge em média, de 30 a 50 metros, o tronco é geralmente liso e se apresenta despido de galhos até o cimo, onde ramificado em dois ou três galhos, se forma a frondosa ramagem. 

O fruto ou "ouriço" é esférico, contém de 5 a 25 sementes ou "castanhas", dispostas em torno do eixo central.Cada castanha constitui uma semente com um tegumento córneo e uma amêndoa, da qual depois de seca, obtêm-se um óleo amarelado, claro, transparente, doce, fixo, alimentar e agradável.

O óleo de Castanha do Pará é constituído principalmente pelos ácidos palmítico, oléico (48%) e linoléico (30%). 

Vitamina F - Ácidos Graxos Poliinsaturados

A denominação original de Vitamina F aplica-se aos ácidos linoléico, linolênico e araquidônico, também conhecidos como ácidos graxos essenciais ( A.G.E ).

Estes ácidos graxos essenciais ( A.G.E ) são de grande interesse quando utilizados em produtos cosméticos. 

Verificou-se por experiência, que uma carência de ácidos graxos originava várias perturbações e principalmente uma desorganização no processo de queratinização, visível por uma descamação exagerada da epiderme. 

O fornecimento de AGEs, especialmente o ácido linoléico, restaura a barreira cutânea. Os AGEs são precursores das prostaglandinas na pele que têm um papel importante nas reações inflamatórias.

A deficiência de vitamina F causa flacidez da pele, incluindo dermatite escamosa ou até eczema.

5   OLIGOELEMENTOS DE ALGAS VERMELHAS Water Hydrolysed Rhodophycea Extract

Os cabelos masculinos são submetidos às lavagens excessivas, que agridem os fios enfraquecendo as raízes e aumentando a queda.

O resultado é a desmineralização dos fios de cabelo, o que significa a perda de oligoelementos essenciais como o Silício, totalmente envolvido no processo de regeneração e vitalidade capilar.

Os oligoelementos presentes fazem com que a incorporação de aminoácidos sulfurados à cutícula do cabelo ocorra mais eficazmente. Os produtos capilares contendo oligoelementos promovem um aumento da resistência do fio à quebra devido ao aumento da substantividade dos peptídeos vegetais sulfurados e da nutrição proveniente dos oligoelementos.     

veja também