Por que algumas mulheres morrem de medo de cortar o cabelo?

Por que algumas mulheres morrem de medo de cortar o cabelo?

Atualizado: Segunda-feira, 13 Dezembro de 2010 as 10:20

O cabelo da Rapunzel é maravilhoso, mas na vida real a história é diferente. Quando fica comprido demais o cabelo começa a ficar com as pontas fracas e feias e muita gente olha e pensa "ela deveria cortar esse cabelo!".

Acontece que nem sempre é questão só de mau gosto. Para algumas mulheres não é tão fácil assim decidir passar a tesoura nos fios e a psicóloga Vivian Diller explicou o motivo.

A autora do livro Face It: What Women Really Feel When Their Looks Change conversou com o pessoal do site americano Allure e disse que realmente algumas mulheres ficam petrificadas quando pensam em mudar o visual.

"Algumas mulheres encaram os seus cabelos como um aspecto das suas identidades", explicou Vivian. "É algo muito interno e as mulheres que deixam o cabelo crescer a um comprimento extremo ficam ligadas a ele durante um longo período de tempo. Algumas mulheres vêem os seus cabelos como uma personalidade do seu visual e cortá-lo seria o mesmo que perder um dente ou um braço".

Quem passou um pouco por isso foi a atriz Gwyneth Paltrow, que confessou que foi horrível cortar o cabelo curtinho, já que o cabelo longo estava com ela quando o seu pai morreu e quando a sua filha nasceu.

"As pessoas associam características a certas experiências da vida", disse a psicóloga. "E ao cortar o cabelo isto pode significar que elas estão se livrando de uma memória". E qual seria o maior problema disto? "A vida requer flexibilidade", responde. "Ter sentimentos rígidos assim pode ser problemático".

O conselho de Vivian é simples – vá para o cabeleireiro pensando que o seu cabelo não define quem você é, pois você é muito mais do que isto. "Tente um look novo gradualmente, como cortar poucos centímetros ou criar camadas", sugere. "Isto vai tornar o corte mais fácil e vai deixá-la mais confortável".

E lembre-se: cabelo sempre cresce de novo! Mude, ouse, inspire-se!

veja também