Pra atualizar sem gastar muito

Pra atualizar sem gastar muito

Atualizado: Terça-feira, 19 Outubro de 2010 as 10:30

Quando chega essa época do ano, entre-o-inverno-que-já-foi-e-o-verão-que-não-chegou (ou o inverso), a gente acaba ficando meio perdida no guarda-roupa, não fica!?! A gente já cansou de usar os nossos looks de frio e já tá morrendo de vontade de usar roupas com cara de estação nova, vontade de ficar atualizada!

E daí que na Bazaar inglesa de outubro tem uma listinha de dicas bem boas pra deixar nosso guarda-roupa mais "fresco" sem ter que sair por aí comprando tudo novo. A gente fez uma livre-adaptação (haha) considerando que estamos em outro hemisfério e olha como ficou:

* pequenas mudanças podem transformar uma peça: um comprimento de saia, bermuda, vestido e até de blusa pode deixar a roupa com a cara da estação. Pro próximo verão a gente pode dar uma repassada nas calças mais leves e fazer a barra um pouco mais curta, acima do ossinho da canela, por exemplo. Já faz uma super diferença!

* investir em acessórios atualizadores: depois que a gente já fez pequenas alterações nas peças de roupa que a gente já tinha, pode ser uma boa ideia comprar dois ou três acessórios "do momento". Que tal um lenço de onça, uma sapatilha laranja ou um óculos gatinho? Passear pra ver vitrines e achar as "tendencinhas" que mais combinam com a gente pode virar um programa super divertido!

* recauchutar bolsas e sapatos antigos: sabe aquela sandália que a gente usou horrores há dois verões atrás, ficou velhinha, mas a gente nunca teve coragem de dar porque era liiiiiiinda? Quem sabe uma visita ao sapateiro (um bom sapateiro, é claro) não faz com que ela volte "nova"? Vale xeretar no guarda-roupa da mãe, da avó, da irmã, da melhor amiga…

* trocar botões: olha que ideia mais simples e mais querida!!! O mesmo cardigan azul marinho que eu usei no inverno pode ser meu cardigan de verão porque eu simplesmente troquei os botões branquinhos que ele tinha por botões pink. Imagina que pode funcionar com camisas, paletozinhos, jaquetas leves e até vestidos!

* não exagerar: a gente precisa ser realista sobre o quanto aquela peça pode ser alterada, senão em vez de "ganhar" uma roupa nova a gente pode perder uma peça muito querida. Uma boa costureira pode ajudar a gente a não viajar e não inventar demais!

veja também