Roupas e acessórios para usar no trabalho

Roupas e acessórios para usar no trabalho

Atualizado: Segunda-feira, 22 Agosto de 2011 as 2:15

  No trabalho, além de transmitir uma imagem de responsabilidade e seriedade, é importante vestir-se confortavelmente para passar muitas horas sentada, de pé ou para se movimentar tranquilamente. Fernanda Resende, personal stylist da Oficina de Estilo, indica opções como tricôs finos, algodão e viscolycra. "As malhas não amarrotam e os tecidos naturais, como a seda e o algodão, desamassam e retomam a forma lisinha", completa.

O comprimento comportado é outro quesito básico na hora de trabalhar. Deixe as minissaias em casa e aposte em peças com barra até três dedos acima dos joelhos. Sente-se e veja como a peça se comporta: ela não deve ultrapassar o limite de um palmo acima dos joelhos. 

Decotes profundos e muita pele à mostra também podem atrapalhar sua imagem profissional. Quem tem seios pequenos até pode exibir mais colo sem parecer vulgar.

Para suavizar o efeito, abuse das terceiras peças: colete, lenço, bolero, jaqueta curta, blazer ou cardigã. Evite também bijuterias que chamam atenção por serem grandes ou pelo barulho que fazem a cada movimento seu. A consultora da Oficina de Estilo dá outras sugestões preciosas:

Equilíbrio nos materiais: Tecidos esportivos e formais podem ser usados juntos para que você não se sinta desleixada ou arrumadinha demais. O jeans casual pode ser coordenado com peças em alfaiataria e não com malhas, que são bem informais também. Já a viscolycra pode ser combinada com peças em tecido plano (que não estica), mais formais.

Calça: O jeito mais fácil de criar looks diferentes é substituindo o jeans por outras peças. Aposte em calça de brim, de tecido colorido, estampado e alfaiataria. Assim, o jeans pode aparecer em outras peças como bermuda, longuete, vestido, salopete, colete e macacão.

Visual feminino: Um comprimento mais curto, decote, sandália aberta até pode, mas não tudo ao mesmo tempo. Aposte em um de cada vez: se tem decote e braço de fora, é melhor usar calça, bermuda ou saia no joelho. Se parte da coxa está aparecendo, combine com camisa e calçados mais fechados. Se a sandália é aberta, pegue leve no comprimento da parte de baixo e no decote.

Veja opções de peças para trabalhar

Macacão

Quem trabalha em ambientes despojados pode substituir a tradicional dupla (camisa + calça) pelo macacão. Se for de cor neutra, permite muitas combinações e variações com lenço, blazer, colete, echarpe e cinto. Sapatilhas e sandálias de tiras são os complementos ideais. Deixe os saltos muito altos e os sapatos refinados para as produções mais formais.

Camisa branca

Clássico do guarda-roupa de trabalho, ela é versátil e perfeita para dar um toque de sobriedade às peças muito coloridas. Vai bem sob colete, blazer e até vestidinhos.

Blazer

Peça queridinha das mulheres modernas, o blazer hoje pode ter mais comprimento, lapela e ombreira. Podem ser ainda estampados ou em tonalidades lisas. E não é preciso abrir mão dessa saída quando o tempo esquenta. Com mangas três quartos ou abaixo dos cotovelos em tecidos de fibras naturais, o blazer de cores claras é a melhor pedida.

Saia

Ambientes informais permitem a saia até cinco dedos acima do joelho. Os modelos de linhas simples como evasê, lápis e tulipa são os mais indicados para o ambiente profissional.

Bermuda

Neutra, ela vai bem com complementos coloridos e peças como colete, blazer e lenço. Informe-se se sua empresa permite o uso de peças curtas e informais.

Novo tailleur

A novidade agora é desmembrar o terno e construir uma nova alfaiataria, mais casual: vale casar colete com saia, short com blazer e até ousar com vestidos mais ousados por baixo de peças clássicas. Experimente mesclar as peças de diferentes conjuntos, fazendo combinações inusitadas.

Vestido

O modelo tubinho é o companheiro para todas as horas e ocasiões. Elegante em caimento, mas sem abusar da sensualidade nos quesitos decote e comprimento, o corte reto vai ao trabalho de dia e pode seguir para o happy hour à noite.

Chemisier

Eterno curinga, o modelo alonga a silhueta e deixa o visual sofisticado no ato! Bastam poucos e discretos acessórios para completar: cinto e sapatos altos. Se o seu trabalho exige formalidade, esqueça as bolsas molengas e invista nas estruturadas.

veja também