Saiba como escolher cosméticos

Saiba como escolher cosméticos

Atualizado: Quinta-feira, 29 Abril de 2010 as 12

Elas batem o pé: querem usar o batom da mãe, o xampu da irmã mais velha e até desodorante. Xampu de bebê, nem pensar! E a maioria das mães fica sem saber o que fazer. Será que há algum perigo em usar produtos de adultos? Para Rubens Leite, presidente do departamento científico de dermatologia da Sociedade Brasileira de Pediatria, no caso dos xampus, o ideal é ser rigoroso até os dois anos de idade, quando a criança é mais suscetível às alergias.

- Xampus nada mais são do que um produto de limpeza para os cabelos. Servem para retirar o óleo e a gordura do couro cabeludo. Os xampus de bebês são formulados para cabelos que naturalmente produzem pouco óleo. Quando a criança cresce, o xampu de bebê pode não ser mais eficiente na limpeza. Nesses casos, eu aconselho a intercalar com um de adulto, desde que ela não apresente irritação no couro cabeludo.

Maurício Pupo, farmacêutico e professor de cosmetologia, diz que há perigos:

- Os cosméticos de adulto não foram testados em crianças, por isso não há garantia de que não possam causar algum tipo de dermatite. O mesmo acontece com protetores solares e hidratantes.

Leite também é enfático e diz que "o filtro solar deve ser apropriado para crianças e, como a pele da criança é naturalmente seca, o uso de hidratante é fundamental. Pode ser até mesmo óleo de amêndoa".

Quanto às maquiagens, como não são usadas diariamente, a dica para as mães é ficarem atentas a qualquer sinal de alergia. O mesmo se aplica aos perfumes. Até os infantis podem irritar a pele das crianças. Leite explica que "quanto mais cedo se iniciar o uso de perfumes, maior a chance de reações alérgicas".

- Bebês têm cheiro bom. Se mesmo assim a mãe quiser passar perfume, o ideal é aplicar em pequena quantidade na roupa da criança.

E o que fazer quando a criança apresenta odor forte nas axilas? Não há no mercado desodorante voltado ao público infantil. Para Pupo, "o ideal é não usar".

- Mas caso seja necessário, é aconselhável usar desodorante e não antitranspirante. Este último tem muito alumínio, elemento que faz com que os poros fiquem obstruídos e retenham o suor. Alguns estudos relacionam o alumínio com o desenvolvimento de câncer de mama.

Já Rubens Leite indica apenas o uso de sabonete infantil nas axilas, tendo em vista que a pele da criança é muito delicada. Cabe às mães a tarefa de avaliar e decidir quais produtos são mais adequados aos seus filhos.

por Cláudia Pinho

veja também