Saiba como reformular seu armário de maneira correta

Saiba como reformular seu armário de maneira correta

Atualizado: Quarta-feira, 17 Agosto de 2011 as 1:27

  As mulheres adoram investir no mercado da moda, mas às vezes é difícil encontrar um modelito que satisfaça suas vontades. Que mulher nunca se deparou com a seguinte situação: abrir o armário e não achar o que vestir? Ou experimentar vários looks diferentes e não se identificar com nenhum deles? Esse problema acontece com frequência entre o público feminino, não se preocupe! Por isso, selecionamos algumas dicas na hora de abastecer o guarda-roupa. 

Lembre-se que comprar por impulso pode gerar prejuízo! É preciso considerar certos detalhes antes de sair gastando com tudo que vê pela frente.

O primeiro passo é olhar seu armário de forma crítica e se livrar das peças que não favorecem seu tipo de corpo e idade. Avaliar as melhores peças também ajuda na hora de comprar, porque você aprende a valorizar sua silhueta.

Não se deslumbre com peças extravagantes, ou tendências de moda. Afinal, algumas dessas peças são de momento e pode perder a utilidade poucos meses depois. 

Começe pensando nas suas características! Olhe para você, qual sua carreira e idade? Tente compreender o seu tipo de corpo, quais cores e combinações de tonalidades te agradam mais. Com essa avaliação, tente respeitar o seu estilo próprio, sem se levar por modismos do momento.

Avalie e descubra se você tem estilo clássico, contemporâneo, fashionista, esportivo, romântico, básico ou hippie chic! Para não errar prefira peças neutras, com qualidade, com ótima modelagem e corte.

Aposte no bom e velho jeans (não muito justo), regatas e t-shirts neutras, camisas bem acinturadas de manga longa (nos tons branco, preto, off-white, nudes, azulados e cinzas), blusas de malha em tonalidades neutras ou apasteladas, cardigãs (beges, nudes, cinzas e preto), jaqueta jeans, blazers bem modelados e com ótimo acabamento, calças de alfaiatatia, saias (lápis, evasê, godê, curtas, de acordo com o seu tipo de corpo e idade), vestidos com modelagem sessentinha.

As mulheres mais gordinhas devem escolher o modelo de jeans reto. As saias devem ser evasê, nada muito largo, pois alarga a silhueta. As melhores opções são camisas acinturadas, blazers, peças de alfaiataria e vestidos com cintura marcada. Dispense looks com duas tonalidades (aposte em tom único para a peça base, no casaco ou jaqueta use outro tom).

Seguindo essas dicas e adquirindo essas peças, você pode ousar em looks mais elaborados e que definam sua personalidade. Normalmente elas são marcadas por brilhos, cores mais fortes, florais, xadrezes, tecidos com   texturas, couros, camurças, peças com plumas, peles, jeans mais elaborado e jaquetas de couro.

veja também