Se previna contra os sinais de envelhecimento nas mãos

Se previna contra os sinais de envelhecimento nas mãos

Atualizado: Sexta-feira, 14 Outubro de 2011 as 11:30

As mãos revelam muito sobre a idade: manchas, rugas e veias saltadas podem aparecer a qualquer momento. Isto porque a pele do dorso das mãos é delicada e é muitas vezes maltratada. Nós temos uma tendência de cuidar muito melhor da pele do rosto do que da pele das mãos, do colo e do pescoço. 

Isso acontece porque a pele das mãos é muito mais fina do que a que recobre o resto do corpo e está exposta a ventos fortes, à radiação UV, à fumaça de cigarro, ao uso de detergentes e sabões, fatores que contribuem para a desidratação e o envelhecimento acelerado desta região. "O processo biológico feminino de envelhecimento também é um fator contributivo e o fim da produção de estrogênio, na época da menopausa, afeta a produção de colágeno, que dá às mãos uma aparência carnuda. Com a passagem do tempo, a quantidade de gordura sob a pele também diminui. Por isso, veias e tendões das mãos ficam visíveis”, explica a dermatologista Cristine Carvalho, diretora do Centro de Dermatologia e Estética.

Prevenção

Um dos fatores mais importantes é evitar a exposição ao sol forte e passar diariamente um filtro solar com FPS 30 ou acima.  “Como uma parcela dos raios solares ultrapassa o vidro das janelas, é importante aplicar o protetor, mesmo se estiver dentro de casa. No carro, mantenha um frasco com filtro solar e passe o protetor nas mãos antes de dirigir. Assim, você previne manchas e preserva o colágeno da pele”, alerta Cristine Carvalho, que também é chefe do Departamento de Fototerapia do Instituto BWS.

Tratamentos

· Cremes hidratantes : além do filtro solar, é preciso usar hidratantes que contenham uréia, lactato de amônio, ácido hialurônico, vitamina C, ácido ascórbico ou silicone. “Após uma consulta com um dermatologista, o profissional pode recomendar também o uso de um creme com ácido retinóico à noite. É importante lembrar que o tratamento a base de cremes hidrata, melhora a textura da pele e retarda o envelhecimento das mãos, mas não remove as manchas já existentes”, afirma a dermatologista.

· Laser para manchas : o tratamento com laser ou luz intensa pulsada é indicado para remover manchas senis e vasos, jogando um calor específico naquela estrutura. O calor transforma-se em energia e destrói total ou parcialmente esta estrutura, que depois é metabolizada como uma substância estranha ao organismo. “Após algumas sessões, as manchas desaparecem ou são suavizadas. O laser queima a mancha sem agredir a pele. Depois da sessão surgem casquinhas que caem em duas semanas. A recuperação ocorre em cerca de 12 dias, sem dor ou ardor no local”, conta.

· Peelings químicos : os peelings à base de ácido tricloroacético, retinóico e glicólico removem manchas e melhoram a qualidade do colágeno. “O ácido é colocado somente na mancha ou em toda a mão, provocando uma queimadura com crosta, que irá agredir e depois eliminar o pigmento. Este tratamento requer muitos cuidados após o tratamento, pois a pele fica muito sensível. O peeling funciona melhor para pessoas de pele clara. Quem tem pele negra ou morena não deve se submeter a esse tratamento, sob risco de as manchas se agravarem”, avisa a diretora do CDE;

· Nitrogênio líquido ou crioterapia : é um elemento químico em forma líquida aplicado na mancha. A aplicação é em forma de spray, provocando uma queimadura pelo frio. O local fica branco, depois, avermelhado pelo congelamento. “O tratamento funciona provocando uma queimadura pelo frio, que tem interação com o pigmento. A queimadura irá provocar descamação e clareamento. O pigmento sai com a crosta e a pele fica lisa. A intensidade da queimadura é proporcional ao tempo de permanência do jato. A recuperação ocorre em cerca de 15 dias. A crioterapia oferece risco de hipopigmentação, principalmente em peles escuras”, alerta.

· Ácido hialurônico injetável : o ácido hialurônico  absorve muita água. Por conta dessa característica, surgiram formulações com ele que, quando injetadas na pele, incrementam a hidratação local  e fazem o preenchimento cutâneo  na área da mão. “O efeito é pele rejuvenescida e mais firme. Para o tratamento dar certo, é preciso repetir a aplicação algumas vezes por ano”, informa Cristine Carvalho.

· Radiofrequência : o aparelho com ondas de rádios que atingem as manchas provoca um tipo de queimadura que irá eliminar a mancha. A recuperação ocorre em cerca de 10 dias.

veja também