Americana faz cirurgia plástica e sai da sala com os seios unidos

Americana faz cirurgia plástica e sai da sala com os seios unidos

Atualizado: Quarta-feira, 28 Setembro de 2011 as 11:10

Uma norte-americana de Los Angeles, na Califórnia, teve os seus seios grudados durante uma cirurgia plástica e agora se engaja em uma campanha de alerta contra os perigos de se recorrer aos serviços de um cirurgião plástico não credenciado. Dinora Rodriguez, 40, conta que queria recolocar os implantes nos seios, mas o médico acabou unindo os dois.

Além de comprometê-la visualmente, a americana sente dores no corpo desde que se submeteu à operação. Ela também teve os nervos e os músculos da região danificados.

O médico também mexeu nas pálpebras da americana sem autorização, e ela não consegue fechá-las mais. Segundo outros cirurgiões consultados, ela terá que se medicar para manter os olhos lubrificados.

"Não sabia que tinha de checar as qualificações do médico, e me arrependo disso", comentou. A campanha da americana é apoiada pela Câmara Americana de Cirurgia Plástica.

As informações são da versão on-line do jornal "Daily Mail" desta terça-feira.

veja também