Aprenda a lidar com eventuais mal estares durante a corrida

Aprenda a lidar com eventuais mal estares durante a corrida

Atualizado: Quarta-feira, 26 Outubro de 2011 as 10:53

Correr diminui o estresse e melhora a qualidade de vida. Mas com o calor do verão, o corpo pode manifestar alguns sinais de mal estar. Na época quente, a atividade física exige mais do corpo e é preciso ficar atento aos avisos emitidos pelo organismo. No verão a perda excessiva de potássio pode levar a arritmias cardíacas e provocar vasodilatação excessiva. 

A vasodilatação pode causar hipotensão, pressa baixa, seguida de desmaios. O recomendável é hidratar-se antes e durante a atividade física para compensar a perda de água pelo suor. É fundamental também se alimentar uma hora antes do exercício. Após a prática, o que se sugere é consumir uma fonte de carboidrato associado a uma fonte de proteína. 

E esse alimento pode ser pão integral com queijo branco, arroz com frango grelhado e iogurte com aveia. 

Saiba identificar os alertas do corpo quando o calor excessivo o prejudica durante a atividade física: 

Cãibras por calor

 Elas se manifestam através de espasmos no abdome, nos braços, nas panturrilhas ou nos tendões. É preciso parar de correr e massagear a área afetada. 

Exaustão por calor 

O suor excessivo provoca dor de cabeça, tontura e náusea. Buscar abrigo na sombra e consumir bebidas isotônicas ajudam a refrescar o corpo. 

Hipertemia 

Os sintomas são respiração acelerada, confusão, desmaios e cessação do suor. É importante parar de treinar na hora e refrescar a pele com água.

veja também