As principais causas do estresse

As principais causas do estresse

Atualizado: Terça-feira, 27 Setembro de 2011 as 1:33

Sabemos que o estresse existe há tanto tempo quanto o homem. As causas (ou estressores) podem ser divididas em dois grandes grupos: causas físicas, como cirurgias, traumatismos, dores, dietas inadequadas, uso de drogas, abuso de bebidas alcoólicas e cafeína, e causas emocionais. Aliás, nosso "mundo interno" pode ser uma fonte riquíssima de estressores.

Como eles vão agir dependerá basicamente da personalidade, do conjunto de valores, das formas de pensar, racionalizar e interpretar os problemas que surgem, além da genética e da constituição do sistema nervoso, hormonal e imunológico. Não devemos esquecer que a mente interage a todo o momento com as causas físicas do estresse. Mas quais as maiores fontes de estresse hoje?

O estresse pode começar na dificuldade para conquistar um parceiro. Depois, encontrado o pretendente, como fazer para que ele se mantenha fiel e apaixonado? E se a rotina levar à insatisfação sexual? E se mais tarde a simples ideia de chegar ao lar não for mais tão doce e excitante? Os problemas se acumulam, surgem as discussões sobre dinheiro, e a princesa vira uma fera, ou o príncipe passa a ter o encanto de um sapo.

O estresse crônico pode desgastar o casamento, e até levar ao divórcio. Mesmo quando a relação entre os cônjuges é boa, o estresse pode estar ligado aos filhos.

A sobrecarga ocasionada pela dupla ou tripla jornada da mulher, entre o trabalho, a casa, os filhos e o marido é um estressor.

E há outras causas do estresse ligado ao trabalho: as incertezas quanto ao cargo e à carreira; a necessidade constante de adaptação a novas tecnologias; as exigências permanentes de aprendizado de novas habilidades; a demanda pela rapidez na execução das tarefas; a falta de controle sobre o resultado do próprio trabalho; e a comunicação deficiente entre colegas e superiores hierárquicos, dentre tantos outros. Veja o que fazer quando o trabalho é a fonte de estresse.

Como controlar a ansiedade de consumir, e a incapacidade de lidar bem com o dinheiro?

Tantas coisas que queremos comprar e tão pouco que recebemos. Um descuido nos leva ao cheque especial. Estresse na certa!

A violência é um dos grandes estressores, seja pela ansiedade de não saber se será a próxima vítima de um assalto ou sequestro relâmpago, ou pela vivência do ato violento em si.

A sensação de que o tempo passa muito rápido; a ansiedade de tentar fazer o melhor, mas nem sempre conseguir; as dúvidas quanto a nossas escolhas; o caos no trânsito, que piora a cada dia, são algumas situações que nos angustiam e são fontes de estresse no cotidiano.

Para ilustrar o impacto que o estresse pode ter na nossa vida, o gráfico acima mostra o nível aproximado de estresse em algumas situações

Sabemos que o estresse nos "espreita" em todos os momentos e que manter um equilíbrio saudável entre vida pessoal e trabalho é um dos grandes desafios de nossa existência.

Difícil? Sim! Mas, se você chegou até aqui, está lendo e refletindo sobre este artigo. Você possui, ou tem potencial para descobrir, ferramentas particulares para lidar com o estresse, por exemplo, ouvir música. Sim, a música diminui o estresse.

veja também