Atividades físicas não previne obesidade infantil apenas, é preciso uma alimentação

Estudo aponta mitos e verdades sobre obesidade

Atualizado: Segunda-feira, 4 Fevereiro de 2013 as 11:58

 

Obesidade é um problema que afeta boa parte da população, entre homens, mulheres e crianças. Seguir uma alimentação saudável, buscar ajuda de especialistas para evitar
o começo de obesidade, garante uma vida tranquila.
 
O diretor do centro de pesquisas de nutrição e obesidade da Universidade do Alabama, David Allison, divulgou uma lista com mitos e verdades sobre obesidade e emagrecimento. A lista foi publicada no New England Journal of Medicine.
 
Amamentação previne a obesidade (Mito)
Revisões de estudos não mostraram evidências do efeito do aleitamento materno na obesidade.
 
A genética influência o peso, mas não é tudo (Verdade)
Mudanças em outros fatores que causam a obesidade podem levar a uma redução significativa do peso.
 
Aulas de educação física evitam a obesidade infantil (Mito)
Pesquisas confirma que as aulas não têm frequência, intensidade e duração suficientes para ter imapacto no peso das crianças.
 
A cirurgia pode ser uma opção eficaz (Verdade)
O procedimento, quando indicado corretamento para pacientes obesos, leva à perda de peso e reduz o diabetes e o risco de morte.
 
Perder peso gradualmente é melhor (Mito)
Não há diferenças no resultado a longo prazo entre um tipo de dieta que leva à perda inicial mais rápida ou mais lenta.
 
Família unida combate a obesidade (Verdade) 
O tratamento da obesidade infantil tem mais resultados quando há envolvimento dos pais e mudanças no ambiente familiar.
 
Com informações de: UOL

veja também