Brasil terá teste que detecta sífilis em 15 minutos

Brasil terá teste que detecta sífilis em 15 minutos

Atualizado: Terça-feira, 30 Novembro de 2010 as 8:29

O Instituto de Tecnologia em Imunobiológicos da Fiocruz (Bio-Manguinhos) produzirá um teste para detectar sífilis em 15 minutos, com uma eficácia de mais de 90%. O objetivo principal é diminuir os casos de sífilis congênita, que ocorre durante a gestação, um problema que ainda atinge cerca de 12 mil crianças todos os anos, segundo estimativa do Ministério da Saúde.

Estudos realizados em 2004 apontam que, das gestantes no país, 1,6% possuíam sífilis. Estima-se que, dessas mulheres, 0,4% sejam portadoras do HIV. Cerca de 40% das crianças infectadas com sífilis morrem ainda no útero ou de forma prematura. Nas demais, a sífilis congênita pode se manifestar com alterações que vão de anemias a deformidades ósseas e dificuldades cognitivas.

Antonio Gomes Pinto, gerente do Programa de Reativos para Diagnóstico de Bio-Manguinhos, explica que os testes disponíveis no mercado - como VDRL, RPR, FTA-ABS ou o Elisa - dependem, em boa medida, da qualidade dos técnicos e dos laboratórios responsáveis pelo exame.

– Os resultados podem variar se não forem obedecidos os mínimos detalhes da técnica de execução. Muitas vezes, os resultados não são confiáveis.

O novo exame de Bio-Manguinhos será oferecido na forma de um kit prático que não requererá treinamento complexo para ser usado, diz o gerente.

– Com certeza, nosso teste terá um grande impacto na luta contra a sífilis no país.

Ele prevê a utilização rotineira do exame no pré-natal de gestantes atendidas pela rede pública.

veja também