Café amigo - mulheres podem contar com ele para ajudar na memória e na dieta balanceada

Café amigo - mulheres podem contar com ele para ajudar na memória e na dieta balanceada

Atualizado: Segunda-feira, 7 Julho de 2008 as 12

Faz parte do senso comum a idéia de que café tira o sono. Mas um estudo publicado na revista "Neurology" aponta que o produto também ajuda as mulheres com mais de 65 anos a manter a memória visual. Segundo a pesquisa, três xícaras de café por dia ou chá com uma quantidade equivalente de cafeína diminuem a perda da memória.

De acordo com a nutricionista Rosana Perin, da Unifesp (Universidade Federal de São Paulo), o café não é mais visto apenas como vilão. Além da novidade sobre memória visual, a especialista cita os resultados do uso do café em doenças degenerativas. "A cafeína é estimulante e pesquisas indicam que é capaz de induzir melhoras em quadros de Alzheimer e Parkinson", informa.

Outros benefícios citados pela especialista são a redução do colesterol, dos sintomas de depressão e também do diabetes. No entanto, antes de tomar café, elas devem levar em conta que a bebida eleva a pressão do sangue e tira o sono. "Não é só o café que possui cafeína, mas também chás e refrigerantes à base de cola. O excesso de cafeína causa arritmias cardíacas e alterações de comportamento como agitação", alerta.

Refeição saudável

Outro ponto positivo do café é a participação dele no equilíbrio da dieta. O café da manhã é a refeição responsável por repor um longo período de jejum, a madrugada. "É de manhã que ingerimos os nutrientes necessários para abastecer o corpo, que vai gastar energia fisicamente e intelectualmente durante o resto do dia", explica Rosana.

Um café da manhã completo é composto por proteínas (queijos e leite), carboidratos (pães, cereais e biscoitos) e vitaminas e minerais (presentes nas frutas). A nutricionista aponta que essa refeição é essencial no equilíbrio da dieta.

"Quem não toma café da manhã acaba almoçando em maior quantidade e sem qualidade. As pessoas que praticam exercícios físicos pela manhã também nunca devem fazê-lo em jejum, para não queimar energia dos músculos nem sofrer com hipoglicemia, isto é, baixa de açúcar no sangue que causa mal-estar", indica.

veja também