Cogumelos blindam o organismo e enriquecem o cardápio

Cogumelos blindam o organismo e enriquecem o cardápio

Atualizado: Quarta-feira, 28 Julho de 2010 as 8:58

Shitake e Shimeji. Esta dupla poderosa de cogumelos incrementa qualquer receita, mas não é só o seu paladar que sai ganhando com as duas espécies. Sua saúde também agradece. "O shitake possui como carro chefe nutricional a lentiman, um substância que estimula o sistema imunológico, protegendo o organismo contra doenças", explica a nutricionista Fabiana Honda, da PB Consultoria Nutricional.

Outro composto dessa variedade, a eritadenina é conhecida por reduzir as taxas de colesterol. As betaglicanas encontradas em maior quantidade no shitake vem chamando a atenção dos cientistas. São substâncias que estimulam as células de defesa a combaterem infecções e tumores, além de carregarem antioxidantes que barram o processo de envelhecimento celular. Mais um de seus feitos é controlar os níveis de açúcar do sangue, beneficiando quem sofre com o diabetes.  

Já o shimeji é o terceiro cogumelo comestível mais cultivado no mundo. Nos países orientais, acredita-se que a espécie também possui propriedades relativas à redução do colesterol e à prevenção dos problemas hepáticos. Ele também fornece ergosterol, um precursor da vitamina D.

Além disso, os dois tipos carregam uma considerável quantidade de ácido fólico. Em 100 gramas de cogumelo há 1014 mg do nutriente, enquanto a ingestão diária recomendada é de 400 mg. "Estudos mostram que o ácido fólico evita a má formação do feto e más formações congênitas, previnem doenças cardiovasculares, desordens mentais, câncer e o mal de Alzheimer", explica a nutricionista Fabiana Honda

Vale por um bife

Mais um ponto positivo é que, com eles, o cardápio ganha em variedade. Os cogumelos são ótimas fontes de proteínas e tem baixa quantidade de lipídios. "Eles tem tanta proteína quanto na carne vermelha, com a vantagem de ter menos gordura", explica Giovanna Arcuri.

Um bife de 100 gramas de contrafilé carrega cerca de 13 gramas de gorduras, enquanto a mesma quantidade de cogumelo não chega a um grama de gordura. Outra notícia boa. São considerados alimentos de baixa caloria. Em cada 100 gramas de shitake ou shimeji, por exemplo, há apenas 35 calorias. Eles podem ser comprados frescos, em conserva ou secos, e utilizados em pratos variados, como carnes, molhos para massas, saladas, recheios de omeletes e na culinária japonesa. A seguir, confira três receitas muito fáceis de preparar, cedidas pela PB Consultoria Nutricional.

Shimeji no papillote à moda japonesa

Rendimento: 4 pessoas

Ingredientes:

- 400 g de shimeji

- 4 colheres (sopa) de cebolinha picada

- 1 colher (sopa) de shoyu (molho de soja)

- 1 colher (sopa) de manteiga

- Papel-manteiga

Modo de Preparo

Preaqueça o forno a 180ºC (temperatura média). Lave os cogumelos em água corrente. Escorra e reserve. Separe uma folha de papel-manteiga do tamanho de uma folha sulfite. Coloque os cogumelos, a cebolinha picada e o shoyu no centro da folha de papel-manteiga. Dobre o papel, fazendo um envelope e aperte bem todas as pontas para que o molho não vase. Coloque o papillote em uma assadeira e leve ao forno preaquecido por 20 minutos. Retire a assadeira do forno e abra o envelope com cuidado para não se queimar. Transfira o shimeji para uma tigela refratária e acrescente a manteiga. Misture bem e sirva imediatamente.

Shitake e abobrinha salteados com alecrim

Rendimento: 4 pessoas

Ingredientes

- 1 colher (sopa) de manteiga

- 1 colher (sopa) de pimentão vermelho picado

- 1 xícara (chá) de shitake em fatias

- 2 abobrinhas italianas picadas em cubos grandes

- Sal e pimenta do reino a gosto

- 10 folhas de alecrim

Modo de Preparo

Em uma frigideira, em fogo alto, aqueça a manteiga. Junte o pimentão e o shitake e frite-os mexendo por 1 minuto. Retire e reserve. Na mesma frigideira ponha a abobrinha e refogue por 2 minutos. Tempere com sal e pimenta. Junte o shitake e aqueça. Polvilhe com alecrim e sirva.

Salada de cogumelos

Rendimento: 4 pessoas

Ingredientes

- 2 xícaras (chá) de alface americana picada

- 2 xícaras (chá) de folhas de rúcula

- 1 tomate em fatias

- 1 xícara de (chá) de champignon em fatias Molho

- 2 colheres (sopa) de suco de limão

- 2 colheres (sopa) de azeite

- sal e pimenta do reino a gosto

Modo de preparo

Em uma tigela coloque as folhas de alface, rúcula e as fatias de tomate. Coloque os champignons por cima da salada. Misture os ingredientes do molho e regue-o na salada.

Postado por: Felipe Pinheiro

veja também