Conheça os riscos e benefícios dos principais remédios para emagrecer:

Conheça os riscos e benefícios dos principais remédios para emagrecer:

Atualizado: Terça-feira, 12 Fevereiro de 2008 as 12

Tipo de medicamento: Anorexígenos (Femproporex, Anfepramona e Mazindol).

Como agem: Substâncias que atuam no cérebro como inibidores de apetite.

Efeitos colaterais: Incluem desde taquicardia, boca seca, insônia, ansiedade e depressão. Uma complicação menos freqüente e mais grave é a dependência, em geral associada a uma má utilização. Pacientes com problemas psiquiátricos não devem utilizá-los.

Tipo de medicamento: Sacietógenos (Sibutramina e Rimonabanto)

Como agem: Também atuam no cérebro, reduzindo a ingestão alimentar sem inibir a fome. O paciente se satisfaz com menores quantidades de alimento.

Efeitos colaterais: A sibutramina tem como efeitos colaterais mais freqüentes a boca seca, a constipação intestinal, a insônia e a taquicardia. Já o rimonabanto pode provocar náuseas, tonteira, diarréia, ansiedade e insônia e não dever ser utilizado em pacientes com história de depressão. Este último ainda não está liberado no Brasil.

Tipo de medicamento: Inibidores da absorção de gordura (Orlistate)

Como age: O único representante desta classe é o Orlistate, vendido no Brasil com o nome comercial Xenical, que atua apenas no intestino bloqueando parte da gordura ingerida.

Efeitos colaterais: Efeitos colaterais de natureza gastrintestinais, que podem ser evitados através de uma ingestão controlada de gorduras.

veja também