Crença japonesa diz saber sobre personalidade atraves de tipo sanguíneo

Crença japonesa diz saber sobre personalidade atraves de tipo sanguíneo

Atualizado: Quinta-feira, 8 Novembro de 2012 as 11:18

 

Tipos sanguíneos para a sociedade japonesa são mais do que uma informação relevante para um médico e para um paciente. Segundo a crença antiga, pode-se definir a personalidade de uma pessoa pelo seu tipo sanguíneo.

Reza a lenda que pessoas do grupo sanguíneo A são sensíveis, perfeccionistas e trabalham bem em equipe, mas são ansiosas demais. As do grupo O são curiosas e generosas, porém, teimosas. Indivíduos com tipo de sangue AB são artísticos, misteriosos e imprevisíveis. Os do grupo B são alegres, porém, excêntricas, individualistas e egoístas.

Cerca de 40% da população japonesa pertence ao grupo A, 30% ao grupo O, 20% ao grupo B e 10% ao grupo AB.

Quatro livros descrevendo as características associadas aos diferentes grupos sanguíneos tornaram-se best-sellers no Japão, totalizando mais de 5 milhões de cópias vendidas. E muitos outros títulos já foram publicados sobre o tema.

Programas matinais de TV, jornais e revistas dedicam espaços regulares, como nas previsões do horóscopo, aos vários tipos sanguíneos. Agências matrimoniais oferecem serviços baseados em grupos sanguíneos, quadrinhos e videogames com frequência mencionam o tipo de sangue dos personagens.

Especialistas enfatizam que essas crenças não têm base científica e vêm tentando, sem sucesso, combatê-las. Uma possível explicação para o fenômeno é o fato de que, em uma sociedade relativamente uniforme como a japonesa, crenças como essa são uma forma simples de dividir as pessoas em grupos facilmente reconhecíveis.

"Ser igual é considerado algo bom aqui na sociedade japonesa", diz a tradutora Chie Kobayashi. "Mas nós gostamos de encontrar pequenas diferenças que distinguem as pessoas".

 

veja também