Cuidado com as dores de ouvido

Cuidado com as dores de ouvido

Atualizado: Segunda-feira, 23 Junho de 2008 as 12

O diagnóstico de um especialista é essencial para identificar um simples incômodo ou uma infecção

Tontura, zumbido e a sensação de ouvido tampado são alguns sintomas das dores de ouvido ocasionadas pelos ventos frios, típicos da estação que começa. "No inverno algumas pessoas podem apresentar sensibilidade no ouvido pelo ar frio, que pode ser apenas uma dor ou conseqüência de uma inflamação. De qualquer forma é importante averiguar o motivo", considera a otorrinolaringologista do Hospital Iguaçu, Dra. Tríssia Vassoler.

Segundo a médica, a presença de secreção e diminuição da audição podem ser sinais decorrentes dessas dores de ouvido, que nem sempre são ocasionadas pelo frio. Esses sintomas podem indicar uma infecção ou inflamação do ouvido. Infecções de garganta, inflamações dentárias e da articulação temporomandibular, infecção de ouvido, como otite, e outras inflamações do ouvido também podem causar as dores. "A dor já é um sintoma suficiente para levar o paciente ao médico, principalmente se as dores são persistentes", orienta a Dra. Tríssia.

Para amenizar as dores, há quem utilize alguma receita caseira, como colocar um cotonete umedecido com azeite quente no ouvido. Entretanto, a otorrinolaringologista não recomenda essas tentativas de sanar as dores. "O calor do cotonete pode oferecer uma sensação de conforto e alívio da dor, mas existe o risco de queimadura ou trauma. Nesse caso, uma compressa morna seria mais indicada. Por isso, não é aconselhável tomar medidas para reduzir a dor sem que o médico oriente", esclarece. A médica explica que o especialista pode dizer se as dores são ocasionadas pelo frio ou por alguma doença e, após o diagnóstico, indicar um tratamento.

Proteja-se

Proteger os ouvidos pode evitar as dores ocasionadas pelo frio. "As dores acontecem quando há mudanças bruscas de temperatura e ventos. Nessas circunstâncias é essencial proteger os ouvidos, principalmente quando se usa um aquecedor. Sair do carro quentinho ou de casa e pegar vento pode ser prejudicial para o ouvido", orienta.

Outra dica é lembrar de beber água e comer frutas e verduras, pois são fontes de vitaminas e sais minerais. "No frio é comum reduzir o consumo de alimentos que não sejam cozidos e o cozimento pode retirar dos alimentos esses nutrientes", aponta.

veja também