Droga eleva sobrevida de paciente com câncer de mama grave

Droga eleva sobrevida de paciente com câncer de mama grave

Atualizado: Segunda-feira, 12 Dezembro de 2011 as 11:27

A pesquisa, publicada no "New England Journal of Medicine", foi patrocinada pelo fabricante.

O teste mostrou que as pacientes recebendo uma combinação de quimioterápicos que inclui a nova droga ficaram 18 meses sem progressão do tumor, contra 12 meses para quem fez a terapia-padrão.

A droga tem como alvo o tumor com metástase e que apresenta uma variante genética específica, a HER2.

Já existe um remédio, o trastuzumabe, para esse tipo de tumor. A nova pesquisa combinou os dois.

O oncologista Artur Katz, do Hospital Sírio-Libanês, afirma que a adição da nova droga não aumentou a intensidade dos efeitos colaterais do tratamento, testado em cerca de 800 mulheres.

A Roche, empresa que fabrica o remédio, afirma que vai pedir a autorização à Vigilância Sanitária para vender o pertuzumabe no Brasil até o mês que vem.

veja também