Estudo mostra que é possível barrar o estresse

Estudo mostra que é possível barrar o estresse

Atualizado: Segunda-feira, 19 Dezembro de 2011 as 10:47

Uma pesquisa da Tufts University descobriu que é possível barrar o estresse antes da pessoa ter os sintomas. Em testes com camundongos, eles conseguiram impedir a ansiedades nos animais. A pesquisa pode gerar remédios preventivos para o estresse.

“Conseguimos identificar um novo mecanismo que regula a resposta do corpo ao estresse, que é determinado pela ação dos neuroesteróides. Bloqueamos a resposta fisiológica ao estresse e evitamos o estresse induzido por ansiedade”, afirmou o autor do estudo Jamie Maguire. 

O grupo conseguiu bloquear a síntese de neuroesteróides, uma das substâncias que desencadeiam o estresse, e com isso impediu a elevação da corticosterona. O resultado foi que as cobaias testadas não desenvolveram ansiedade quando provocadas. 

Os próximos passos da equipe é estudar neuroreceptores para tratar algumas doenças que estão atreladas ao estresse, como depressão. 

veja também