EUA registram quase 4.000 mortos por gripe suína

EUA registram quase 4.000 mortos por gripe suína

Atualizado: Sexta-feira, 13 Novembro de 2009 as 12

A gripe H1N1 causou a morte de quase 4.000 pessoas nos Estados Unidos, estando entre as vítimas 540 crianças, desde que começou a pandemia no país, em abril, informaram nesta quinta-feira, 12 de novembro, as autoridades sanitárias, depois da adoção de um novo método para contabilizar os infectados.

O último número é, aproximadamente, seis vezes maior que o divulgado anteriormente, de 672 mortes, e é baseado em cifras mais precisas fornecidas por 10 Estados, informou o Centro para o CDC (Controle e Prevenção de Doenças) dos Estados Unidos.

As estatísticas, que cobrem o período que vai de abril a meados de outubro, estimam em 540 o número de mortes de crianças, quatro vezes mais que o anunciado até agora, segundo testes laboratoriais.

veja também