Governo convoca empresas para divulgar campanha de vacinação contra gripe suína

Governo convoca empresas para divulgar campanha de vacinação contra gripe suína

Atualizado: Quarta-feira, 10 Março de 2010 as 12

O Ministério da Saúde convocou hoje (9) empresas para ajudar na divulgação da campanha de vacinação da Influenza A (H1N1) - gripe suína. Uma pesquisa feita pelo ministério revelou que 64% dos entrevistados sabem da imunização. Foram ouvidas 1.300 pessoas em 352 cidades de todas as regiões do país, entre os dias 20 e 24 de fevereiro.

Na reunião, o ministro José Gomes Temporão reforçou que uma das metas é melhorar e ampliar a divulgação das informações sobre a vacina. "Temos um universo importante de pessoas que não estão adequadamente informadas sobre a campanha."

De acordo com a pesquisa, 89% souberam da campanha pela televisão, 16% pelos jornais, 9% por rádio e 7% pela internet. Outros dados mostram que 84% querem se imunizar, 71% acreditam na sua eficácia e 83% não têm medo de tomar a vacina, que é injetável.

Para imunizar o maior número possível de brasileiros, o ministério autoriza empresas e instituições, como bancos, indústrias, supermercados e shoppings, a realizar eventos ou montar locais para a vacinação, já que não foi estabelecido um dia único para a vacinação, como ocorre em outras campanhas.

O secretário de Vigilância à Saúde do Ministério da Saúde, Gerson Penna, citou, como exemplo, uma indústria que montou um posto de vacinação. Com isso, os funcionários foram imunizados no próprio local de trabalho sem precisar se deslocar a um posto de saúde. Penna alerta, no entanto, que essas iniciativas devem ser executadas em parceria com as secretarias de saúde municipais e estaduais, porque somente equipes de profissionais habilitados podem fazer a aplicação da vacina.

A meta é vacinar 91 milhões de brasileiros - 60 milhões de 20 a 39 anos de idade. A vacinação começou ontem (8) para profissionais da área de saúde e indígenas. A partir de 22 de abril, terá início os demais grupos - gestantes, doentes crônicos e crianças de seis meses a dois anos. O objetivo é imunizar 80% de cada grupo de risco.

Mais de 80 empresas participaram da reunião no ministério.

Postado por: Felipe Pinheiro

veja também