Hospital das Clínicas faz campanha para orientar uso de medicamentos

Hospital das Clínicas faz campanha para orientar uso de medicamentos

Atualizado: Segunda-feira, 23 Junho de 2008 as 12

O Hospital das Clínicas de São Paulo, ligado à Secretaria de Estado da Saúde, realiza entre os dias 23 e 27, das 8 às 17h, uma campanha para conscientizar pacientes sobre uso seguro e racional de medicamento.

Intitulada "Saiba Mais sobre seus Medicamentos", a campanha tem como objetivo promover a assistência integrada aos pacientes. Durante a campanha, haverá distribuição de cartilhas explicativas, palestras sobre cuidados básicos com os medicamentos e visitas monitoradas à Farmácia Ambulatorial. As palestras estão marcadas para 11h.

Todos os pacientes que participarem da palestra receberão orientação farmacêutica individualizada. As atividades vão acontecer no Prédio dos Ambulatórios, por onde circulam diariamente cerca de dez mil pessoas.

O Prédio dos Ambulatórios do HC fica na avenida Dr. Enéas de Carvalho Aguiar, 255 - Cerqueira César.

Intoxicação

Levantamento realizado pela Secretaria de Estado da Saúde em 2007, por meio do Centro de Vigilância Sanitária, apontou que cerca de 40% dos casos de intoxicação registrados no Estado são causados por medicamentos. Foram analisados os dados dos últimos dez anos dos atendimentos realizados nos Ceatox (Centros de Assistência Toxicológica) paulistas.

Dos 128.769 casos, 49.743 foram relacionados a medicamentos. Segundo a pesquisa, cerca de 90% dos casos de intoxicação por medicamentos aconteceram por via oral e, em 85% dos casos, em casa. O problema acomete principalmente as crianças até cinco anos e pessoas do sexo feminino, que representam 59% dos casos.

De acordo com o levantamento, dez princípios ativos de medicamentos são identificados como os mais freqüentes nos casos de intoxicação. São eles: fenobarbital, diazepam, haloperidol, carbamazepina, bromazepam, fenilpropanolamina, benzodiazepínicos não identificados, paracetamol, fenilefrina e dipirona.

Como evitar intoxicação

1- Não usar remédio sem receita médica

2- Ler a bula e o rótulo dos remédios antes de consumi-los

3- Não dizer às crianças que remédio é doce ou gostoso, pois isso pode estimulá-las a consumi-lo;

4- Só use medicamentos nas doses indicadas;

5- Descarte sobra de medicamentos e remédios vencidos;

6- Se não entender a receita do médico, peça para ele reescrevê-la de forma legível. Se mesmo com essas medidas um acidente tóxico ocorrer, mantenha a calma, tenha em mãos a embalagem do produto envolvido no acidente e entre em contato com um dos Ceatox paulista (www.cvs.saude.sp.gov.br) ou na capital, ligue para 0800- 0148110.

Postado por: Claudia Moraes

veja também