Idade dos pais pode contribuir para o autismo

Idade dos pais pode contribuir para o autismo

Atualizado: Terça-feira, 7 Fevereiro de 2012 as 2:38

De acordo com estudos feitos por pesquisadores da Dinamarca em conjunto com a Universidade de Cambridge, crianças geradas por pais acima de 35 anos tem maiores chances de serem autistas. As informações são do Daily Mail.

O estudo, que avaliou 1.300 mil crianças nascidas entre 1980 e 2003, mostrou inicialmente que apenas a idade da mãe era um fator que contribuia com o desenvolvimento do problema. Porém, os pesquisadores confiram que a idade do pai é tão determinante quanto.

Na última semana, outro estudo sobre autismo - feito pela instituição NHS Information Centre - mostrou que enquanto um em cada 50 homens carregam informações genéticas que podem causar o problema, uma em cada 300 mulheres apresentam a mesma condição.

Contudo, representantes da National Autistic Society, falaram que "sabemos pouco as causas biológicas que dão origem ao autismo para afirmar que a idade dos pais é um fator determinante para desenvolver o problema".

Outras revelações do estudo feito em parceria com a Universidade de Cambridge mostram que o risco de autismo é maior quando a mãe é mais velha (65%) em comparação a um pai velho (44%) e também sugerem que outros motivos, como infecções, medicação ou tratamento de fertilidade também devem ser considerados.

veja também