Inalar vapor d'água ajuda a curar gripe?

Inalar vapor d'água ajuda a curar gripe?

Atualizado: Sexta-feira, 31 Dezembro de 2010 as 9:18

Usar o calor para combater um resfriado parece óbvio.

Inalar vapor ou ar umidificado – um remédio para gripe tão antigo quanto a própria chaleira – supostamente alivia a congestão, melhora a respiração e mata os vírus da gripe, que são sensíveis ao calor. Estudos de laboratório mostram, por exemplo, que o rinovírus, a causa mais comum de gripes, é desativado em temperaturas acima de 42,7 graus Celsius.

No entanto, vários estudos foram incapazes de encontrar evidências sólidas de que uma dose de ar quente e umidificado faça qualquer diferença para os que sofrem com espirros e nariz entupido.

Em 2006, um relatório publicado no "Cochrane Database of Systematic Reviews" examinou o remédio ao combinar dados de estudos anteriores. O relatório incluiu seis testes randômicos controlados nas quais pessoas gripadas foram expostas a vapor d'água quente.

Três dos estudos mostraram benefícios, enquanto os outros verificaram uma piora nos sintomas ou nenhuma mudança nos níveis de anticorpos ou ausência de vírus. Um desses estudos, realizados na Cleveland Clinic e publicado no "Journal of the American Medical Association", em 1994, acompanhou 68 pacientes gripados em tratamentos de 60 minutos de inalação de vapor, que aumentava a temperatura dentro do nariz até os exigidos 42,7 graus Celsius. Os tratamentos não tiveram efeito algum nos sintomas como congestão e espirro.

Ao final, o relatório da Cochrane concluiu que a inalação de vapor não deve ser recomendada como remédio para grupes, até que mais estudos duplo-cegos provem sua utilidade.

Portanto, pode-se concluir que faltam evidências para que o ar quente ou umidificado seja considerado um tratamento eficaz contra a gripe.

veja também